31 agosto 2013

técnica no/low poo X silicones X anfótero



Olá... Crespas e crespos lindos da Tam! ^_^ Vocês viram na post Nutrição (aqui), sobre o uso de silicones mesmo fazendo a técnica No-poo... Então, é possível prosseguir com o uso de silicones mesmo quem é adepto à técnica. E hoje vim explicar pra vocês o porquê! Vamos lá? xD

Sobre a Técnica No-Low poo

Como vocês sabem, essa técnica foi desenvolvida pela Lorraine Massey e publicada em seu best seller Curly Girl, onde ela defende o não uso de shampoos, por causa do sulfato ser um agressor da fibra capilar (eu já expliquei os danos dos sulfatos para o nosso cabelito aqui).

Com isso, ela sugere que o método de lavagem somente com condicionador - co-wash - seja a solução. O problema desse método é que os condicionadores não possuem surfactantes que removam os silicones. Por isso o co-wash é indicado somente pra quem faz No-poo total, ou seja, não usa silicones de jeito nenhum em sua rotina. E vocês vão entender que para o Low-poo, da Deva Curls  - a marca que a Lorraine inventou - os silicones eram liberados... 

É que os silicones servem para formar um filme insolúvel no fio do cabelo, maquiando-o ao dá impressão de brilho, porém não tendo nenhum nutriente, tende com o acúmulo ressecar o cabelo. Por isso, que ao se adaptar à técnica No-poo, Lorraine pede que o uso de silicones insolúveis seja proibido. (confiram os tipos de silicones aqui na listinha). Isto é... ERA proibido! xD

Vamos entender melhor...

Foi divulgado num dos mais importantes blogs de cabelos crespos e cacheados - o Naturally Curly - uma tabelinha que afirma que TODOS os silicones insolúveis ou não, podem  ser retirados com Cocomidopropyl Betaine. Isto mesmo que vocês leram: todos os silicones podem ser removidos com esse tensoativo! =O

Sabe qual é o melhor de tudo? É que a maioria dos xampus sem sulfato possui esse carinha legal na composição! Ah, taí o motivo do Low-poo ter uso liberado de silicones: possui o Cocomidopropyl na composição, já o No-poo não possui. #Ficaadica xD 
Ó a tabelinha aí pra comprovar e sair procurando nos xampus sem sulfato:

Tensoativo - Anfótero
Os tensoativos são responsáveis pela característica mais importante e desejada em um detergente: a capacidade de remoção das sujidades. Este fato é possível devido a sua estrutura, que possui uma parte hidrofílica e uma parte hidrofóbica. Eles reduzem a tensão superficial da água, permitindo que a sujeira possa ser removida facilmente através da formação de micelas. Existem tensoativos mais prejudiciais e outros menos, aí é que entra o Anfótero...

E por que estamos falando disso, Tamires? o.O 

Porque é com esse nome que o Cocomidopropyl Betaine é encontrado em logas de matérias primas e essências, HA! Pois é, pois é, pois é: o anfótero é um tensoativo (agente espumante), usado em produtos mais suaves e menos irritantes. O que isso quer dizer? Que se você tem dificuldade com o uso de xampus sem sulfato - alguns deles ressecam o cabelo - pode comprar o anfótero e adicionar a um condicionador levinho e sem silicones - de preferência NEUTRO -, pois assim os silicones dos outros produtos serão removidos pelo tensoativo em questão! xD 

E não é que eu encontrei o danado do anfótero no site http://www.sabaoeglicerina.com.br/? Paguei R$3,85 em 100ml de produto. Olha ele aí, gente:
 A concentração dele não deve ser maior que 5% do produto, então ao escolher um condicionador de 200ml acrescente 10ml de anfótero. Se jogue no co-wash e tudo certo! ^_^

Precauções

1º ponto - Não é porque tem solução que remova os silicones que vamos sair por aí usando qualquer coisa no cabelo, não é mesmo? Parafina e vaselina líquidas, petrolattum, óleo mineral, ou seja, derivados de petróleo estão fora de questão! Isso porque estes não são removíveis com anfótero e nada tem a contribuir para o nosso cabelo e assim como o silicone, acumulam nos fios, selando- os, impedindo assim que hidratações e outros tratamentos não entrem no fio. E o pior: são cancerígenos! =O

2º ponto -  "Descobri que meu xampu sem sulfato tem Cocomidopropyl na composição! ÊBA, vou liberar o uso de qualquer silicone por aí!" Não! Silicone não é legal pra o cabelo, né gente? De jeito nenhum! Mas o que salva o uso dele é a falta de opções no mercado de cosméticos que temos com produtos liberados desse e outros compostos do mal. "Mas e aí, Tamires, não falou que podia e fazia?" Sim, falei que podia e fazia o uso de silicone. Mas não pode ser qualquer silicone. De preferência os insolúveis, que são mais fracos e só quando o produto for muuuuuuuuuuito bom! Eu só tenho 2 produtos com silicone! =P Tem que valer a pena pra um silicone estar na nossa coroa de reis. #cabeleiracrespa ^_^

3º ponto - Beleza, que o fio encapado pelo silicone esteja protegido dos danos causados por sol, mar, piscina, chuva ácida... Mas isso a gente consegue tranquilamente usando óleos vegetais e manteigas 100% puros! Eles são protetores naturais dos nossos fios, fornecem nutrientes, absorvem a oleosidade natural do cabelo e são solúveis... Enfim, tudo o que temos que fazer tem que ser com moderação. Equilíbrio sempre é o que nos guia. Então, tenhamos cautela com o uso de silicones ao lembrarmos que tudo em excesso faz mal. =) 

Por hoje é só, espero que eu tenha contribuído para o conhecimento de vocês, espero que vocês tenha absorvido bem o conteúdo e nos encontramos na próxima postagem! ;D
Xero nos cachos, 
Tamires! =*
http://encaracoladas.5forum.info/

28 agosto 2013

queratina hair - charis



Olá povo cacheado, crespo e afro !! Tudo bem com vocês amores ? Comigo tudo certo graças a Deus. Hoje venho aqui falar sobre um produtinho que gostei muito, trata-se de uma queratina que utilizei de diversas formas e gostei muito do desempenho dela, o nome do produto é Queratina Hair, da Charis. O produto é apresentado em embalagens de 120ml e também em flaconetes de 18ml, comprei pacotinho com 4 flaconetes.

O produto é de cor amarelo claro, bem fininho e fluído, cheirinho muito suave, ao primeiro contato parece ser oleoso, mas não é, consistência que parece um gel muito ralinho, espalha fácil.

O que diz no rótulo: "A Queratina Hair foi desenvolvida para o cuidado com os cabelos. É indicada para cabelos danificados quimicamente, pela ação do sol, do mar, da piscina e da poluição. Repõe a queratina dos cabelos proporcionando maciez, brilho e condicionamento. Recupera a beleza natural dos cabelos. Excelente para fazer escova. Sem álcool. Sem enxague. Uso diário".

Recomendação de uso do fabricante é de aplicar o produto no cabelo seco ou úmido uniformemente e não enxaguar, pentear como quiser, inclusive fazendo escova.


 Como utilizei o produto:

Usei de 3 formas diferentes, fiz aquele tratamento com queratina que a nossa Tamires nos ensinou aqui.
A diferença é que esta queratina nós não vamos diluir, é para ser utilizada pura. Eu lavei o cabelo e com ele úmido apliquei uniformemente nele todo, dando mais atenção ás regiões mais porosas e ás pontas. Ao invés de usar a touca de bolinhas de isopor ou alumínio, usei touca térmica, só precisei tomar cuidado para não deixar ficar muito quente, numa temperatura OK eu desliguei. Fiquei uns 15 min.
Como este é um produto sem enxague, eu aguardei o cabelo esfriar e apliquei por cima uma máscara - dei uma turbinadinha com óleos vegetais (podem usar os que vocês gostarem mais e podem usar a máscara que quiser, pode ser uma nutritiva, pode ser uma reconstrutora, até uma hidratante). Deixei mais 30 min e enxaguei normalmente e finalizei como de costume. Usei um flaconete inteiro para este tratamento.

Gostei do resultado, deu uma melhora perceptível no meu frizz e nas partes porosas, o cabelo ficou macio e com aspecto saudável. Eu descolori parcialmente meu cabelo e preciso recuperá-lo.


Dica
Sugiro fazer LOC no dia seguinte, fiz e ficou muito macio e melhor ainda.

Outra forma de uso que fiz:

Adicionei 2 colheres de chá da Queratina Hair á uma máscara para potencializar seu efeito reconstrutor, (3 colheres de sopa de máscara) também gostei do resultado.

Terceira forma: antes de passar o leave in (condicionador no meu caso), apliquei um pouco em áreas críticas. O cabelo teve uma melhor finalização, frizz mais controlado, gostei muito.

Como eu voltei a utilizar química (descoloração - tinturas) a necessidade de reconstrução aumentou, antes disso eu fazia apenas uma reconstrução ao mês.

O produto é totalmente liberado para a galerinha no e low poo, PH é de 5,5.


Composição:

Acqua, Hydroxyethylcellulose, Cetrimonium Chloride, Glycerin, Propylene Glycol, PPG-1-PEG-9 Lauryl Glycol Ether, Parfum, Proylene Glycol / Diazolidinyl Urea / Iodopropynyl Butylcarbomate, Cl19140, Disodium EDTA, Hydrolyzed Collagen, Hydrolyzed Keratin, Sodium PCA / Sodium Lactate / Arginine / Aspartic Acid / PCA / Glycine / Alanine / Serine / Valine / Proline / Threonine / Isoleucine / Histidine / Phenylalanine, Benzophenone-4, Triethanolamine, Benzyl Salicylate, Butylphenyl Methylpropional, Hexyl Cinnamal, D-Limonene, Linalool, Amyl Cinnamal, Citronellol, Geraniol, Hydroxyisohexil 3-Cyclohexene-Carboxaldeyde.

O último componente da fórmula, que contém este cyclohexene,  não é um silicone, embora pareça, é uma fragrância - ver mais em:
http://www.truthinaging.com/ingredients/hydroxyisohexyl-3-cyclohexene-carboxaldehyde.

Arginine (arginina) - É um aminoácido importante, auxilia a evitar quebra e fortalece o fio. O cabelo é formado por queratina, portanto é um amontoado de aminoácidos - entre eles a arginina.

Glycine, alanine, serine e etc - são aminoácidos também.

Colágeno hidrolisado - excelente elemento para reconstruções capilares, fortalece cabelos, unhas e pele.

Composição excelente, bem diversificada. A diferença desta queratina para a outra da Bioextratus é que esta tem a queratina em menor concentração e foi enriquecida de outros elementos, a outra é mais concentrada e a composição é mais simples, por isso precisa ser diluída. Gostei muito de ambas.

Recado para quem tem mêdo de queratina - não fiquem sem usar porque o cabelo precisa dela sim, o lance de enrijecer o cabelo é somente se você usar em excesso, ok  ?  Cuidado com as dosagens, esta da Charis usei assim porque ela não é concentrada, para adicionar em máscaras sempre use uma quantidade pequena como eu exemplifiquei mais acima, no caso da queratina da Bioextratus uso 1 colherzinha de chá para 3 colheres de sopa de máscara, a da Charis uso 2 colheres de chá como falei acima.  Se você não utiliza química alguma, uma vez ao mês; se você pinta, ou faz algum relaxamento ou descolore, etc. use duas vezes ao mês ou até mais, dependendo de como o cabelo está, quanto mais fraco, mais ele vai precisar ser reconstruído.

Por hoje é só, espero que gostem, beijos :*

~Andrea~




24 agosto 2013

dica de penteado: coque volumoso



Seja alto ou baixo, no verão ou não, no trabalho... Coque é perfeito também para quem tem cabelo cacheado. Vamos aprender o coque volumoso em quatro passos!? Vem que tem! xD

1º Passo:
Separe o cabelo em três partes: uma mecha larga no topo da cabeça e uma em cada lateral. Junte o cabelo que ficou solto atrás num rabo de cavalo.


2º passo:
Enrole a ponta do rabo para dentro e prenda na altura da nuca com grampos. leve as laterais para trás e enrole-as ao redor do coque - uma por vez. Prenda com grampo.
3º passo
Trabalhe a mecha do topo. Junte-a com as mãos e faça um torcido, enrolando-a até a ponta. Posicione a mecha próximo ao topo do coque, formando um moicano.
4º passo
Prenda o topete moicano com grampos. Passe as pontas de cabelo que ficaram soltas em volta do coque e, se necessário, fixe-as com grampos.

Se quiser, acrescente uma flor, uma presilha... Mas que é uma boa dica para ir ao trabalho, é sim! xD Espero que tenham gostado! =*

Tamires

Fonte: http://mdemulher.abril.com.br/- extraído.
Fotos: Christian Parente

22 agosto 2013

benefícios do óleo de gergelim



Olá crespinhas e cacheadas, tudo certo ?  :D Hoje vou falar dos benefícios do óleo de gergelim, para nossos cabelos.

O óleo de gergelim, também conhecido como óleo de sésamo, é oriundo das sementes de gergelim. Além de ser utilizado como óleo de uso culinário no sul da India, é com frequência  utilizado como realçador de sabor na cozinha asiática em geral.   Também é muito utilizado na medicina alternativa, notadamente a Ayurvédica.

Este óleo é rico em antioxidantes e gorduras poliinsaturadas além de possuir vitamina E, magnésio, cobre, cálcio, ferro, zinco, proteínas e vitamina B6.

O gergelim foi cultivado pelas civilizações do vale do Indo e era a principal cultura agrícola por lá, estima-se que foi exportado para a Mesopotâmia por volta de 2500 AC. Foi um dos primeiro óleos a serem processados pela humanidade e um dos mais antigos condimentos.  Por volta de 600 AC os assírios utilizavam o óleo de gergelim como alimento, remédio e os hindús o utilizavam em templos, nas lamparinas, era considerado um óleo sagrado.

Existem muitas variações na cor do óleo de gergelim, os que são prensados a frio tem uma cor amarelo pálido, o indiano costuma ser bem dourado e no leste da Asia é normal a variedade marrom. O óleo de gergelim marrom é feito de sementes torradas e tem um sabor diferente. Para os cabelos dou preferência ao amarelo claro ou dourado.





O óleo de gergelim é utilizado em tratamentos para o crescimento dos cabelos, é altamente nutritivo, curativo e lubrificante, fortalece desde a raiz ás pontas. Ajuda a manter o cabelo escuro, retarda o aparecimento dos cabelos brancos, estimula a circulação no couro cabeludo, tem alta penetração, auxilia a recuperar cabelos danificados, tem efeito de protetor solar nos fios além de poder ser utilizado juntamente com determinados óleos essenciais para tratar infestação de piolhos, é antibactericida. 

Umectações noturnas combatem a caspa, durma com o óleo de gergelim nos cabelos e lave pela manhã. Podemos também "turbinar" (batizar) máscaras com este óleo.

Ressalto aqui que os óleos vegetais em geral sozinhos, não "curam" o ressecamento dos cabelos, este ressecamento frequentemente é causado por falta de hidratação do próprio organismo, os tratamentos naturais funcionam sim, mas se a sua dieta não for equilibrada, será muito difícil reverter o ressecamento.

Outras qualidades do óleo de gergelim: reduz pontas duplas e a queda e também  doa brilho e maciez. Também podemos misturá-lo á óleo de amêndoas doces ou ao azeite, para umectações.

Na compra, dê preferência ao óleo de gergelim para uso culinário, compre em lojas de produtos naturais, é mais garantido vc conseguir um produto de boa qualidade e pureza.

Por hoje é só, beijinhos e até a próxima !!  ;)

~ Andréa ~

20 agosto 2013

as cores que fazem minha cabeça!


Olááááááá Cabeleira Crespaaaaaaaa!!
Tudo bem com vocês? Espero que sim! Comigo está tudo ótimo. :D
Hoje venho lhes mostrar as cores que fazem minha cabeça, eu mudo a cor do cabelo sempre que me dá vontade e o que quero mais mesmo, é ser feliz.
IMPORTANTE DIZER QUE MINHA INTENÇÃO SERÁ SOMENTE MOSTRAR MINHAS FASES PARA VOCÊS... 

Bem, eu nasci crespa 3c/4a com os cabelos no tom castanho escuro e por muito tempo permaneci assim, até por volta de uns 14 anos e então eu um dia quis pintar os cabelos lembro-me muito bem como se fosse hoje, guardei várias moedinhas e comprei a coloração na cor PRETO AZULADO, e fui pra casa de minha prima para fazer a aplicação sem minha Mamadi (Mãe) saber, quando ela soube da minha traquinagem eu estava começando a aplicação e levei uns bons cascudos e vi os reais aplicados com muito sacrifício no cosmético indo ralo a baixo enquanto minha cabeça estava sendo brutalmente lavada ao mesmo tempo sem dar tempo de agir o produto para fixar a cor. MÃE COM RAIVA É OUTRO NÍVEL! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Sosseguei até uns 18 anos, quando eu quis pintar de novo os cabelos só que dessa vez eu queria ficar RUIVA, aí ela tentou se meter para me impedir mas não completou sua missão porque minha teimosia falou mais alto. E me joguei com gosto no RED, comecei de pouquinho nos vermelhos menos vibrantes e então com o tempo me atrevi, me arrisquei, provei e amei. E sim, esta tonalidade super combina com nosso tom de pele negra, e mesmo na transição eu não parei tanto é que fiquei ruiva por uns 9 anos :D 
Fazia minha manutenção a cada 15 dias com banho de brilho, porque o vermelho é uma peste desbota com uma tremenda facilidade e eu gostava de mantê-los sempre vibrantes.

Então, depois eu quis mudar e sair da mesmice de ser ruiva para ser loira, aqui então começa minha peregrinação. Minha gente manter o vermelho me dava menos trabalho do que tentar ser loira kkkkk comecei em Dezembro de 2011, fui no salão onde me cobraram os olhos da cara, mas fiz minhas primeiras mechas, e claro como estava acostumada a fazer manutenção da cor, em Fevereiro de 2012 estava horrorizada com minha raiz escura, minha cor natural.


E fui noutro salão para fazer o retoque já que no primeiro me cobraram um absurdo o.O
E nesse retoque fizeram besteira no meu cabelo, não souberam retocar as mechas e o produto agiu por mais tempo que precisava no meu cabelo, resultado: cabelo ressecado, danificado, emborrachado e ao formar o cacho meu cabelo ficava laranjado, devido parte dele ter pigmentação vermelha e outra sem pigmentação (a descoloração) :/ 




Quebrando a cara pela primeira vez ao tentar mechar o cabelo, me aborreci e acabei voltando a para o vermelho e agora mais abusada, me joguei no tonalizante Fúscia.
E novamente eu queria ser loira, parecia um carma se eu não atingisse meu objetivo, eu não sossegaria. Encontrei através de minha Tia, a cabeleireira mais sincera e honesta de todos os tempos a Taty Lobato, nas palavras dela confiei e então ouvi: Simone você não poderá aplicar coloração em cima desse vermelho em que você está, eu não farei seu cabelo porque caso ele não fique bom, minha referência para você como profissional será a das piores, o que eu posso te aconselhar é ir aplicando coloração loira para matizar esse vermelho e só com o tempo tipo uns 3 meses tentaremos com um teste de mecha, veremos se seu cabelo irá aguentar uma descoloração mais profunda isso foi em Agosto de 2012. E eu segui os conselhos dela, mais também descobri um outro produto que me ajudou bastante a neutralizar o vermelho, que foi o Mix Green, que eu misturava na minha coloração e aplicava, fiz isso por longos 4 meses e o vermelho que acho que é pior que o preto pra tirar foi mudando de cor até ficar assim um Chocolate Acobreado.
















Em Novembro de 2012 eu então fiz pela segunda vez mechas. Só que agora com a profissional que começou a conhecer a estrutura dos meus fios e ficamos assim, vejam ainda há muito da pigmentação vermelha nos meus fios.







E minha luta continuava por um loiro mais aparente do que a pigmentação vermelha.
Em Fevereiro de 2013, retocamos as mechas...



Em maio no meu aniversário retoquei novamente, fiquei mais loira, mais fui desamarelar e por incrível que parece, as mechas sumiram e parecia que eu havia feito uma coloração comum...
Nossa imaginem a tristeza! :(
Então, não gostei. EU não me acostumo de jeito nenhum com tons dourados e foi que com muita paciência conseguimos chegar no tom Platinado que eu queria, este aí lindooooooo!





Passei pouco tempo com esse platinado e acreditem eu enjoei e um belo dia resolvi mudar kkk e aplicamos o loiro acinzentado e fiquei morena :O

E hoje para minha alegria ele está desbotando e logo, logo quero platinar as pontas d novo \o/ 
Bem Cabeleiras Crespas, enquanto eu olhar no espelho e nele não refletir minha satisfação... 
#VouProcurarSerFelizDoMeuJeito!! Apaixone-se todos os dias por você: é primordial.
 "Eu prefiro ser essa metamorfose ambulante, do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo."

E este foi meu breve relato sobre MINHAS MUTAÇÕES, espero que tenham gostado.
E gostaria de lhes dizer que devido ao meu tempo corrido demais, infelizmente este é meu último post aqui no Blogger, fiquei muito feliz em fazer parte desta família linda, onde tenham certeza só veio somar aos meus conhecimentos, minha gratidão de coração pela oportunidade que a mim foi direcionada por vocês...
Tamires Melo e Andrea Machado  
Fiquem com Deus!!

Bjs nos cachos, e até a volta...
Simone Miranda ;)

15 agosto 2013

depois da transição




Olá amiguinhas, tudo bem com vocês ? Bom, hoje vou falar de um assunto que não é muito debatido, que é a vida após a transição do cabelo alisado para o crespo e cacheado, naturais ou não.



Naturais ou não porque existem muitas cacheadas que se utilizam de relaxamentos ou fazem permanente, e isso é perfeitamente normal, nós temos a liberdade de usar o cabelo do jeito que nos deixa feliz, tenho visto em alguns grupos de cabelos crespos uma certa postura rígida em só aceitar o crespo ou cacheado que é 100% natural e falar mal dos outros. Totalmente errado isso, porque aí saímos da ditadura do liso para cair na ditadura do crespo natural.







Puxa, eu penso assim, se eu não gostei do meu cabelo ao natural mas quero ele crespo, vou procurar as alternativas disponíveis para que eu use ele crespo e do jeito que me agradar mais, e se isso significa usar química, vou usar sim, com critério e tratando muito bem do cabelo para compensar os danos.

Cada um escolha seu caminho, se quer manter seu cabelo 100% natural, se quer pintar, se quer descolorir, se quer abrir os cachos com um relaxante, se quer fazer cachos com permanente, o importante é estar feliz e satisfeito com si mesmo.




Agora o que eu mais queria dizer á vocês é o seguinte: terminou a transição, beleza; o cabelo vai continuar evoluindo, melhorando cada vez mais, seja qual for o tipo de cacho, ele continua a progredir, vai diminuir a porosidade, e os problemas irão se reduzir. Eu tenho 1 ano e meio de transição, cortei meu cabelo com 1 ano, tenho lido relatos em blogs diversos inclusive americanos com mulheres contando como o cabelo mudou e continuou mudando, após 2, 3, 4 anos de transição, o progresso é lento sim mas acontece de verdade !

Não desistam, eu estava insatisfeita com determinadas características do meu cabelo mas já vejo melhoras, sabe como ? Eu gosto de tirar fotos do meu cabelo, tirei fotos durante toda a minha transição e tiro ainda fotos hoje, comparando as fotos notei como ele melhorou. É muito importante que vocês façam esse registro fotográfico para saber como o cabelo progrediu, como ele cresceu etc.

 Nosso cabelo crespo e cacheado é uma conquista, tudo o que é muito bom não vêm de graça, temos que conquistar.

Pensem nisso, beijinhos e até a próxima !!

~Andréa~ 


13 agosto 2013

umectação: o segredo do crescimento capilar

Oláááááááááá Cabeleira Crespaaaaaaa!!!
Então como estamos? Espero que todos estejam muito bem, porque comigo está tudo as 1000 maravilhas.
Trabalho tomando um pouco a mais do meu tempo, mas é isso mesmo, o que vale aqui é não perdermos o foco e sermos determinados sempre. :D Então, vamos ao que interessa?

 Hoje venho falar a respeito da UMECTAÇÃO (U) de uma forma diferente da que eu estava acostumada a fazertambém temos outra forma de fazê-la olhem aqui  e vocês devem saber que a Umectação nada mais é do que um BANHO DE ÓLEO. 

Onde Surgiu?
Bom é uma prática milenar característica da Índia, que foi trazida para o Ocidente pelo Indiano Sake Dean Mahomed. A verdadeira Umectação serve para massagear o couro cabeludo, muito utilizado pelas indianas desde sua infância onde já são estimuladas a ter um cabelo bem cuidado, passando de geração a geração e onde o óleo que é utilizado para fazer a U penetra no seu couro cabeludo ajudando a fixar a oleosidade natural dos seus fios fazendo uma camada fina de proteção.

A massagem estimula o crescimento dos fios pois ela ativa a circulação sanguínea.

É conhecida como o método Champi. A proposta e o objetivo é ter os fios maisssssssssssssssss longoooossssssssss... que é fazendo a Umectação Massageando O Couro Cabeludo... E É ÓTIMO!

Encontrei no Blogger Café com Chai e acabei viciando, vocês podem ver aqui aqui


Como Eu Faço? 
Eu comecei assim que tomei conhecimento desta técnica e minhas umectações nunca mais foram as mesmas rs, e vez ou outra me pego massageando o couro cabeludo até sem óleo mesmo, às vezes o óleo da técnica do Loc (líquido, óleo, creme) que eu faço fica no couro e vou me jogando na massagem capilar. Quero que o Black cresça um cadim :)  E de um modo bem sucinto lhes mostrarei como estou procedendo ao fazê-la, para que vocês também tenham o conhecimento e quem sabe até fazer uma atualização dessa técnica e lembrando que ao colocar em prática devemos fazer o uso somente de ÓLEOS VEGETAIS
São eles: Azeite extra virgem, óleo de coco, macadâmia, girassol, abacate, amêndoas doce, rícino entre outros. Mas este último então nem se fala, ele é que ele ajuda mesmo no crescimento...  Tem post aqui.
Antes de conhecer o novo jeito de umectar os fios eu apenas passava o óleos nos meus fios LAVADOS, porque achava q assim os nutrientes penetravam com maior potência nos meus fios, e tinha a impressão de que se fizer com os cabelos sujos eu acabado por estragar os óleos :S

Mas é assim mesmo! A Umectação cumpre a função de manter a hidratação natural do cabelo e as hidratações que fazemos. Por isso, deve ser aplicado com o cabelo sujo, que é quando o sebo natural entre outros recursos se manifestam mesmo. Não vai perder o óleo, vai perder com ele limpo que não tem muito a absorver pro cabelo. Especialmente se lavou com shampoo anti-resíduos...!

 Não fiz minhas medições para saber se o cabelo cresceu, mais vejo uma diferençazinha no tamanho, quando posso faço todas as noites e nas noites em que estou deverasmente cansada eu sinceramente não faço, mais capricho nas massagens das lavagens e nos outros tratamentos como H, N e R.

Então é isso, espero que tenham gostado de nossa post! 
Deixando aqui mais está preciosa dica para que vocês também possam aprimorar em seus cuidados diários um jeitinho interessante, prático para futuramente ter um cabelão enorme, lindo, saudável crespo ou cacheado pra jogar de um lado pro outro na cara da sociedade... PLÁ! ;)

Bjs pros cachos e vamos ser feliz que é o que realmente importa!

Simone Miranda

10 agosto 2013

a etapa é: hidratação



Vamos lá, gente! Mais uma etapa do meu cronograma capilar que trago pra vocês. #Yes xD
Hoje eu vou falar da etapa hidratação, aproveitando pra resenhar a máscara Amla, Guaraná e Melão, da Surya Brasil pra vocês. R$22,00. Vem que tem! \o/
Hidratação é a primeira etapa do Cronograma Capilar, não menos importante. Serve para reposição hídrica - água - nos cabelos e é de importância fundamental para saúde dos fios. É possível ficar sem nutrição, sem reconstrução, mas sem hidratação, não dá! Para quem não segue cronograma capilar, ao menos hidratar uma vez por semana, deve. Vamos combinar? Cabeleira crespa sem hidratar, não dá! Produtos com ingredientes próprios a hidratar -->> Extrato de algas, Panthenol, Aloe Vera, Vitaminas, Bepantol, Chocolate, mel, geléia real etc., sempre podendo comprar um desses aditivos e potencializar sua máscara; ;D Não vou explicar muito que já tem post só sobre Hidratação que vocês podem conferir, click here.

Como eu faço o.O
Bom, amores, um dos meus aditivos preferidos para potencializar as Hidratações é o Pantenol, que eu compro puro e faço a minha própria solução (post aqui). Aliás, é o aditivo preferido! Não vivo sem. Além dele, gosto também da Babosa - aloe vera -, facilmente encontrada no Mercado, que tem um alto poder hidratante (post aqui).
Mas vamos lá deixar de blá blá blá e falar da máscara in love total que estou usando e não pretendo ficar sem! \o/

O que promete o fabricante...
Hidratação Intensiva. Desembaraça e amacia os fios com restauração progressiva do brilho. Com aroma agradável de Guaraná. Livre de parabenos e outras substâncias químicas. 

Enriquecida com óleos orgânicos essenciais. Embalagem reciclável e não testado em animais. #Supimpa xD


COMPOSIÇÃO: 
Aqua (Água), Cetearyl Alcohol, Behentrimonium Methosulfate, Cetrimonium Chloride, Orbignya Oleifera Oil (Óleo de Babaçu), Glycerin (Glicerina Vegetal), Theobroma Grandiflorum Seed Butter (Manteiga de Cupuaçu), Parfum, Cucumis Melo Extract (Extrato de Melão), Paullinia Cupana Extract (Extrato de Guaraná), Phyllanthus Emblica Extract (Extrato de Amla), Prunnus Amygdalus Dulcis Extract (Extrato de Amêndoa Doce), Lawsonia Inermis Extract (Extrato de Henna), Hydrolyzed Sweet Almond Protein (Proteína de Amêndoa), Citrus Aurantium Dulcis Oil (Óleo de Laranja Doce), Hydroxypropyl Guar Hydroxypropyltrimonium Chloride, CI 19140, Methylchloroisothiazolinone (e) Methylisothiazolinone, CI 42090. #LiberadaParaNoLowPoo

Meu Deus, quanta coisa boa numa máscara só...! xD E o cheiro? A primeira coisa antes de abrir a máscara é o cheiro! Eu quase nunca comento sobre os cheiros de produtos que resenho porque pra mim é o de menos. Mas dessa máscara eu tenho que frisar! Gente, que delícia de cheirinho de guaraná que essa máscara tem! E fica depois de hidratar, bem suavemente. Nessa foto eu usei o pantenol que tava acabando. Então diluí no pote mesmo. Na primeira foto da post, é o potinho de pantenol novo, que acabou de chegar. ^_^ Também gosto de acrescentar a papinha de maizena e leite de coco nas receitas de hidratações, principalmente em máscaras mais molinhas, como essa.

Resultado



Como eu disse: essa máscara não tem textura pesada, é bem molenga, o que dá vontade de usar tudo #exagerada =p Mas o resultado, é tudo de bom! Uma das melhores hidratações que já usei. E que não quero deixar faltar. Cabelo macio, brilhoso, sedoso e desembaraçado. Inda mais que acrescentei uma tampinha de Pantenol diluído, a dupla perfeitinhaVou fazer resenhas de outras máscaras que usei nessa etapa do cronograma, pra vocês terem mais opções pra buscar. 


Um xero nos cachos! E até a próxima postagem. ^_^ Espero que tenham gostado. 
Tamires

08 agosto 2013

máscara da linha pós progressiva - Bioextratus



Olá crespinhas e cacheadas, tudo bem ?  Vou falar da máscara da Bioextratus, da linha Pós Progressiva. Mesmo sendo indicada para cabelos que passaram por procedimentos químicos, pode ser usada por crespas e cacheadas naturais ou não, esta máscara é boa demais, ela é totalmente liberada para no e low poo, não tem silicones, nem derivados de petróleo e nem parabenos; tem efeito reconstrutor sem ser dos mais pesados, não contém queratina mas tem um super coquetel de proteínas vegetais que ainda não vi reunidos num só produto.



O que diz no rótulo: "Fórmula hidratante, rica em ingredientes vegetais, que respeita a fisiologia dos fios. É ideal para o tratamento intensivo dos cabelos quimicamente tratados. Promove reparação profunda, nutre, hidrata, dá brilho intenso e recupera a saúde dos cabelos com progressiva.



Minha experiência: 

Usei pela primeira vez quando eu ainda não usava química alguma (agora eu uso coloração permanente), nas primeiras vezes eu usei com uma distância de 1 mês porque meu cabelo não necessitava de muitas reconstruções, agora tenho usado com maior frequência pois preciso, estou utilizando coloração permanente no cabelo então as necessidades dos fios mudaram, preciso de elementos reconstrutores em maior proporção e frequência. É uma máscara consistente mas fácil de aplicar, cheirinho muito agradável, deixei agir por 20 min e apliquei sobre o cabelo já lavado após enxugar com tecido de malha de algodão e sem nenhum outro produto. Usei ela pura na primeira vez e gostei do resultado, nas aplicações seguintes eu dei uma turbinada e ela ficou melhor ainda ! Eu fiz assim: 3 colheres de sopa da máscara + 1 colher de chá de elastina hidrolisada + 1 colher de chá de colágeno em pó + 1 colher de chá de queratina hidrolisada + 1 colher de chá de óleo de macadâmia + 1 colher de chá de óleo de amêndoa doce. Inclusive utilizei essa versão turbinada após a minha coloração e restaurou bem o cabelo, gostei muito.


Agora vamos á composição:

Aqua (water), Cetearyl Alcohol, Ethylhexyl Palmitate, Caprilyc/capric Triglyceride, Cetrimonium Chloride, Elaeis Guineensis (Palm) oil, Stearamidopropyl Dimethylamine, Cetyl Alcohol, Behentrimonium Chloride, Behentrimonium Methosulfate, Glycerin, Polyquaternium-39, Hydrolyzed Rice Protein, Hydrolyzed Soy Protein, Hydrolyzed Wheat Protein, Hydrolized Corn Protein, Polyquaternium-7, Polyquaternium-10, Polyquaternium-22, Parfum (Fragrance), Linalool, Ceteareth-20, Diisopropyl Adipate, Soybean Glycerides, Butyrospermum Parkii (Shea Butter) Unsaponifiables, Hydroxypropyl Guar, Hydroxypropyltrimonium Chloride, Citric Acid, Argania Spinosa Kernel oil, Carthamus Tinctorius (Safflower) Seed oil, BHT, Methylchloroisothiazolinone, Methylisothiazolinone, Disodium EDTA, PEG 180M.


Excelente formulação, vemos aqui a glicerina, proteínas do trigo, do arroz, do milho e da soja, óleos de cártamo e de Argan, óleo de palma (dendê) e manteiga de carité. Tudo de bom !! :P

O produto é encontrado em farmácias, drogarias, perfumarias e lojas de produtos capilares em geral. Espero que gostem de mais esta opção voltada para a turma no/low poo.

beijinhos e até a próxima !

~Andréa~   

06 agosto 2013

turbante -->> amamos



Oláááááá Cabeleira Crespa! Como estamos?
Espero que estejam ótimos, eu estou super bem, então vamos lá conhecer um pouco mais de um acessório lindoOoOOoO? O TURBANTE! :D
Pois é o turbante consiste em uma grande tira de pano de até 45 metros de comprimento enrolada sobre a cabeça, e de uso muito comum na Índia, no Bangladesh, no Paquistão, no Afeganistão, no Oriente Médio, no Norte da África, no Leste da África (principalmente no Quênia), no Sul da Ásia e em algumas regiões da Jamaica. A origem do turbante é desconhecida, mas sabe-se que já era usado no Oriente muito antes do surgimento do islamismo. As inúmeras formas de amarrar o turbante representam uma espécie de linguagem popular, podendo indicar a posição social, a tribo a que a pessoa pertence e até mesmo o seu humor naquele momento. O uso mais intensivo do turbante se estende por toda a Ásia e pela África.
Os sikhs  que não são nem muçulmanos e nem árabes, constituem a maioria das pessoas que usam turbantes no mundo ocidental. O Ojá é um tipo de torço ou turbante usado na cabeça nas religiões tradicionais,africanas, religiões afro-americanas, religiões afro-brasileiras, podendo ser de vários tipos e cores.
Os turbantes também são usados pelas mulheres ocidentais, como um acessório de moda. Na década de 1960 eles foram bem populares, mas não eram amarrados da mesma forma que os dos homens, presos à frente da cabeça. Usando longos lenços, elas primeiro amarravam as pontas à frente da cabeça e, a seguir, passando as pontas pela testa, as prendiam na nuca.

                       E agora é minha vez de lhes falar a respeito desses tão adorados turbantes :D
Comecei a gostar ao ver muitas meninas em grupos de cabelos crespos/cacheados ficarem muito lindas com esses acessórios, e uma em especial Wera Souza que me disse direitinho como era pra eu fazer, e seguir a risca suas instruções... :}Comecei a assistir muitos vídeos e consegui fazer umas amarrações

E daí pronto, eu me envolvi de tal forma que qualquer tecido que eu via sob meu poder eu queria virasse turbante, e minha irmã me deu uma saída de praia, trabalhada no colorido e amei... kkkkk está aí meu 1° Turbante xD. E então minha paixão só aumentou por este lindo acessório e comprei 1 metro um tecido de Mousseline cortei ao meio e emendei as pontas, fiquei com um turbante de 50 cm de largura e 2 metros de comprimento que resultaram nesses aí... :D                      



E gostava de brincar com as tantas formas de amarrá-los e deixar o tecido se envolver em minha cabeça e cada vez que eu colocava um tecido diferente, mais PODEROSA me sentia e me sinto, porque AMO ME VALORIZAR E VALORIZAR MAIS AINDA O LADO AFRO DO SANGUE QUE PULSA EM MINHAS VEIAS.


Por último encontrei o tecido branco que eu tanto queria pra incluir na coleção o/ :D E então, chega de enrolação e vamos aprender como fazer uma Linda Amarração No Estilo Flor? 

Vamos ao passo a passo...

1° - Pegue qualquer fiozinho que tenha em casa, pode ser um cadarço, o meu é a alça de uma jardineira que não uso mais.
2° - Faça a amarração de um puff.
3° - Pegue o tecido, dobre ao meio.
4° - Passe-o por trás da cabeça.
5° - Cruze na frente.
6° Novamente cruze na parte de trás.
7° Transpasse, o esquerdo para o direito e vice-versa.
8° Imagine uma Twist e faça o mesmo com as duas pontas.
9°, 10° e 11° A medida que vai trançando vc vai dando voltas com pontas em círculos e verás sua flor desabrochar..
12° e 13° Chegando ao final das pontas, vc com cuidado esconde para que elas não aparecem.


E Pronto, Estás Linda!!

03 agosto 2013

produto testado: condicionador natura ekos cacau



Meus amores, vamos e convenhamos que produtos para finalizar o cabelo são os mais difíceis de acertar, não é mesmo? É preciso muitos testes, misturar produtos com outros e por aí vai todo um experimento! 
Eu já falei pra vocês em outras postagens que uso a técnica de condicionador ao invés de creme para pentear. Algumas pessoas ainda tem dúvidas: acham que eu deixo o condicionador da lavagem. Mas não é bem assim, cabelo é pra ser lavado e o condicionador tem a capacidade de selar a hidratação, e no meu caso isso é de muita importância porque todas as vezes em que lavo o cabelo seguidamente hidrato, nutro ou reconstruo. O condicionador depois de cada uma dessas fases é indispensável. Hoje eu trouxe pra vocês um condicionador que estou in love com ele, fácil de encontrar e apropriado para rotina no/low poo. É o Natura Ekos Cacau, que eu aproveitei e depois de usar o pote original fui logo pedindo dois refis... xD

Eu comprei o original a R$18,00 e o refil a R$14,70 Com a minha consultora Rariane, que entrega pessoalmente: https://www.facebook.com/raridade.alves
O que diz o produto o.O
Condicionador hidratação prolongada e controle de volume - cabelos extrassecos e com volume. Com Manteiga de Cacau, rica em Ômega 9, os produtos da linha tratam e protegem os cabelos extrassecos, dando uma nova vida aos cabelos. Formam um filme protetor que envolve os fios, deixando-os mais macios e hidratados por muito mais tempo e controla o volume. Com exclusiva fórmula verde, não acumulam nos fios e preservam a saúde do couro cabeludo e da fibra capilar.

Composição - AQUA,CETRIMONIUM CHLORIDE, CETEARYL ALCOHOL, STEARYL ALCOHOL, GLYCERIN, BEHENTRIMONIUM CHLORIDE, THEOBROMA CACAO SEED BUTTER, PARFUM POLYQUATERNIUM-10, SORBITOL,POLYGLYCERYL-3 CAPRYLATE, DISODIUM EDTA, CI 19140.

-->> Obs.: Pela composição pudemos identificar que a presença do silicone Cetrimonium Chloride - um surfactante catiônico, uma substância emulsificante e condicionante. Esse composto não faz mal para o cabelo. Há Glicerina no produto, capaz de absorver a umidade (água) para o cabelo, o que pode trazer hidratação. E o Cacau está sim no produto em forma de manteiga: THEOBROMA CACAO SEED BUTTER. 

Como eu uso 
1- Lavo; 2- Hidrato; 3- Selo com um condicionador; 4- Enxáguo; 5-Finalização com a Técnica do LOC: Cabelo Molhado (L) Óleo Vegetal (O - pausa de 5, 10 min) Condicionador em lugar do Creme (C)

A tampa do produto permite economia ao usá-lo, por não ser muito aberta. E a textura o especial desse produtinho, pra quem gosta de texturas grossas ;D
O que me chamou a atenção no produto com certeza foi a textura! A textura é grossa, espessa, do jeito que eu gosto em produtos finalizadores, porque me dá segurança de passar o dia inteiro sem ter meus cachinhos deformando. Além disso, um dos motivos em preferir condicionador ao creme é a questão de hidratação que é muito presente nos condicionadores em relação aos cremes. Isso porque meu cabelo é muito poroso e o creme dá efeito ressecado na maioria das vezes. E porque meu cabelo não resseca com condicionador? Porque a fórmula é livre de petrolatos como óleo mineral, vaselina líquida, petrolattum... #Ficaadica

É isso aí, gente! Se ainda restarem dúvidas quanto ao uso do condicionador em lugar do creme, deixem seus comentários. ;D Espero que tenham gostado da post e continuem nos seguindo! Xero nos cachos! xD
Tamires

01 agosto 2013

Misturinhas para borrifar




Olá crespinhas e cacheadas tudo bem ? Hoje vou mostrar á vocês misturinhas para borrifar no cabelo, muito boas para o day after, e essenciais para quem precisa molhar o cabelo quando sai da cama !!



No Facebook me deparei com pessoas reclamando que queriam desistir do cabelo crespo ou cacheado por que não sabiam o que fazer quando acordavam, o famoso "day after". Eu sou uma das pessoas que precisam molhar o cabelo, eu acordo com um fuá gente ! E não posso ajeitar com os dedinhos não, algumas felizardas conseguem fazer isso !! O que eu quero dizer também é que, não é obrigação nossa ter day after, reparei que muita gente lamenta "ai, eu não tenho day after" - repito: não é obrigação ter !! Cada cabelo vai ter suas necessidades especialíssimas, produtos que funcionam bem em um cabelo não irão funcionar em outro, procedimentos também vão funcionar para uns cabelos e para outros não. E isso é normal !!  Eu considero cada cabelo como único, como impressão digital, até os que são iguaizinhos no visual irão ter diferenças nas reações com os produtos e tudo o mais.

OK, dito isto, vamos ás misturinhas, algumas vocês devem conhecer, algumas eu mesma resolvi fazer, todas as que eu vou mostrar abaixo já usei no meu cabelo e gostei. As misturinhas podem ser usadas puras, podem fazer o papel do "L" ao fazer LOC - (veja aqui explicação da  ~Tamires~ de como fazer o LOC), podem ser seguidas de um leave in e também podem ser usadas no fim de tarde antes de voltar para casa, usar um tiquinho para "acordar" os cachos por exemplo, os meus ficam meio ressecadinhos por causa do ar condicionado e umas 3 borrifadinhas (bem menos do que uso pela manhã) já dão uma reavivada no visual.



Misturinha 1:

Agua filtrada ou mineral 250 ml + 1 colher de chá de azeite extra virgem + 1 colher de sobremesa de um condicionador bem hidratante.


Misturinha 2:

Agua filtrada ou mineral 250 ml + 1 colher de café de Bepantol (ou uma ponta de colher de café de D-Pantenol) + 1 colher de chá de óleo de amêndoas doces.


Misturinha 3:

Agua filtrada ou mineral 250ml + 1 colher de sobremesa de suco de aloe vera (anda difícil de achar) + 1 colher de chá de óleo de semente de uva.


Misturinha 4:

Agua filtrada ou mineral 250ml + 1 colher de café de vitamina E + 1 colher de chá de bepantol + 1 colher de chá de óleo de gergelim.


Misturinha 5:

Agua filtrada ou mineral 250ml + 1 colher de chá de colágeno em pó hidrolisado + 1 colher de chá de óleo de girassol + 1 colher de sobremesa de um leave in levemente reconstrutor.


Eu também gosto de acrescentar umas 2 gotinhas de um óleo essencial para perfumar e beneficiar as misturinhas. Sugestões: óleos essenciais de: lavanda, cedro, ylang ylang, patchouli e hortelã pimenta são os que eu mais gosto. Procure ler sobre as propriedades dos óleos essenciais e ao comprar, vá numa loja de produtos naturais, geralmente eles tem provadores e você pode checar o cheirinho deles.

Use as misturinhas no máximo  em 5 dias, mais que isso as propriedades irão se perder. No verão pode pôr na geladeira, fora do verão eu mantenho fora mesmo, dentro do borrifador e num local fresco.

Por hoje é só, espero que seja útil para vocês e que gostem. Qualquer dúvida estamos aí. ;)

Beijinhos
~Andrea~