30 novembro 2013

Será que precisamos de tantos produtos pra cabelo assim?



Olá, Crespinh@s, tudo bem com vocês?

Hoje vou falar sobre o excesso de produtos que usamos nos cabelitchos. Será que precisamos mesmo de tanta coisa?

Tudo bem, quem ainda está descobrido os produtos, quem acabou de voltar pros cachos, quem está precisando experimentar muitos produtos até ter aquele que possa chamar de seu. Cada cabelo é uma sentença, e precisamos mesmo passar por essa fase.

Mas vamos parar pra pensar... Quando nos damos conta, acabamos caindo num consumismo exagerado, muitas vezes desnecessário, acumulando um monte de produtos em casa, que nem queremos mais, que enjoamos...

Somos bombardeados por propagandas e mais propagandas de tudo que é coisa, e acabamos com um monte de coisa sem serventia em casa! #ounão?


Eu sei que é tão gostoso (re)descobrir os cachos, ficar trocando ideia com as outras pessoas cacheadas, etc. descobrindo coisinhas novas...

Eu já caí nessa de acumular muito produto em casa. Depois me enchi. Meus fios ficaram saturados e minha paciência também. Afinal, a vida não é só cabelo... Todos temos muitos interesses, e às vezes enjoamos de ficar só pensando e falando de cabelo.

E na minha busca por uma vida com mais qualidade e consumo consciente, queria deixar aqui minha opinião. Sem paranoias, apenas para refletirmos um pouquinho.

Não é raro acabarmos saturando os fios de tanto misturar produtos diferentes, consequência da ansiedade que nos leva ao impulso de comprar tudo o que vemos por aí, e que sabemos que deu certo com Fulana... Usamos tudo sem critério, com pressa de sabermos o resultado, numa afobação insana que temos hoje em dia, tudo tem que ser JÁ. E se algo sai errado, nem sabemos o que pode ter causado o dano, nem lembramos mais de tudo o que usamos! #quemnunca? #sentaechora


Será que não buscamos um padrão de cachos que simplesmente não nos pertence?

Será que não exageramos na busca pela perfeição? Percebo um exagero às vezes das crespas na busca pela total definição dos cachos, de maneira que acaba ficando até artificial...

Será feio deixar o cabelo soltão, até mesmo armadão, bem natural?


Tá, precisamos hidratar, nutrir, reconstruir. Mas encontramos um produtinho bom, ok. Ficamos sabendo de outros produtos bons, que queremos testar também, ok. Podemos fazer uma listinha, guardá-la com cuidado para aquisições futuras. Uma coisa por vez, vamos devagar, observando, aprendendo com calma.

Gente, não sei se esse texto está uma chatice. Porque é tão gostoso se jogar nas perfumarias, lojinhas de cosméticos, daí vem essa chata falar pra pararmos de consumir. Não! Não é isso! Quero que paremos para refletir sobre o excesso. Excesso de consumismo, excesso de perfeccionismo. Já somos lindas com o que Deus nos deu. Do jeitinho que é. Esses excessos causam impacto na natureza e em nós.

Esse texto é principalmente pra mim ♪♫ "você e eu e todo mundo" ♪♫... hehe... sério, eu estou aprendendo a deixar de ser tão consumista, e a dar valor às coisas que realmente valham à pena.

Era isso que eu queria falar. Acredito que a gente é que faz o mundo em que a gente quer morar.

Beijo no coração de tod@s!
Fezoka

18 comentários:

  1. concordo com vc estamos consumindo muito, de forma desenfreada, as vezes já temos bons produtos mas mesmo assim ficamos comprando mais e mais...

    ResponderExcluir
  2. Fê eu concordo com vc.
    minha prateleira tá bem zeradinha,só reponho quando acaba um produto.
    Tenho um de cada coisa.Leave-in,condicionador para co wash,máscara de hidratação,shampoo que está o ultimo suspiro.
    Eu sou colecionadora de esmaltes então com o tempo de coleção eu percebi que o assunto estava saturando a minha mente e eu não sentia tanto prazer em esmaltar as unhas.Assim ficou claro que de um hobby tornou-se vício/compulsão .
    Hj fica simples observar isso,mas foi muito legal vc dar esse toque.Ainda mais nessa época de black friday e 13º.Ontem fui no shopping e estava tão cheio,e as pessoas levando coisas que não precisam só pq tem um pseudo desconto.
    Bjos e bom final de semana

    ResponderExcluir
  3. Excelente postagem! Eu não gosto de ter estoque de produtos em casa, mesmo porque, tenho outras prioridades na vida, além de cuidar de cabelo. Ainda assim, tenho fios saudáveis com poucos produtos, isso porque uso aquilo que sei que meus fios precisam.

    ResponderExcluir
  4. Gostei . E e verdade de as vezes procurarmos o cacho perfeito e as vezes ele nem é e nem qer ser assim. Fiz meu big chop quase comprei milhares de produtos mas percebi q o cabelo vai adaptando. É so ter paciencia.

    ResponderExcluir
  5. Texto sensacional! Outro dia, no biscoito da sorte, veio a seguinte mensagem: " Quem gasta com o quê não precisa rouba de si mesmo." Não esqueci mais.
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. É isso aí Fezoka, consumismo não faz bem, eu fiquei desse jeito no início da minha rotina, na transição, depois a ficha caiu. bjs

    ResponderExcluir
  7. Pois é...concordo com vc, de tanto passar coisas no meu cabelo, por causa do cronograma capilar, eu acho que meu cabelo teve uma overdose de produtos...kkkkk....ele acabou enfraquecido e com muita queda....affffff...fora consumismo!!!

    ResponderExcluir
  8. Penso exatamente dessa forma, Fezoka! :-) Abraçoo!

    ResponderExcluir
  9. Adorei a postagem! Também aprendi a me controlar. Tem gente que passa cada coisa no cabelo que até assusta. ;)

    ResponderExcluir
  10. Adorei a matéria, principalmente na parte em que você fala sobre a nossa afobação em ter resultados rápidos quando usamos algum produtinho que fulana usou, por exemplo, e queremos ver o resultado dele de imediato em nossos cabelos. CALMA GENTE, peraí, nem tudo é num passe de mágica. E gostei muito no ponto em que você toca sobre termos cachos/crespos perfeitos, porque não assumirmos o que é uma característica só nossa, de nosso cabelo. Sei que inspiração é bom pra motivar a gente, mas querer ser igual a outra é muita falta de personalidade. Adorei. Parabéns.

    ResponderExcluir
  11. Fê, muito bem pensado. Chega a ser vergonhoso o consumismo atual, para tudo. Mas confesso q para conseguir parar, nuncá mais posso ir na web!

    ResponderExcluir
  12. Obrigada pelo toque! beijos ass Danie Reis

    ResponderExcluir
  13. Os produtos prometem manter os cachos domados, mas o cabelo não tem que ser "domado" para ficar bonito. A cabeleiras dessas duas da foto que estão cheias de frizz são lindas. Isso também faz parte de assumir o cabelo cacheado, pensar que ele não é como os lisos, que ficam retos e certinhos, assumir os cachos, significa saber que você pode usar ele com frizz também, armado, do jeito que você quiser. Claro, isso não significa deixar de cuidar e andar por ai de qualquer jeito, relaxada, porque vai passar a mensagem errada, mas sim aceitá-lo do jeito que é.

    http://manualdoscachos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Amei o seu blog,
    Estou seguindo e se puder me segue.
    Siga a minha fan Page que está em baixo do lookbook.
    http://meuestiloe.blogspot.com.br/
    Beijos ♥

    ResponderExcluir
  15. onde posso encontrar vc Tam...quero dar-lhe um presente q te devo a muito tempo...peço mil desculpas pela demora e espero tbm q aceite de coração esse meu presente <3 obrigada! adorei o blog !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me chama in box no face, flor! ♥ Não se preocupe, nem se desculpe.
      Obrigada por estar conosco, Diana! =)

      Excluir

Antes de deixar seu comentário consulte o próprio blog no "Pesquise aqui", às vezes sua dúvida está em outra postagem. Mas se você não encontrar no blog, deixe seu comentário, tire suas dúvidas sem timidez! Eli e eu vamos fazer o possível para ajudá-las. Obrigada por estar conosco, xero nos cachos! xD