quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

transição capilar -->> Benita



Nessa postagem trago pra vocês uma entrevista sobre a história capilar da Benita Rodrigues. O processo de transição do relaxamento à volta do cabelo natural e a força dessa flor que fez o famoso "big shop", ou grande corte. Isso mesmo: depois de um tempo aparando, ela resolveu cortar o mal pela raiz! xD 
Foram 2 anos de transição à base de hidratação semanal.

Mas vamos à entrevisa, tete-à-tete com Benita...

cabeleira crespa -->> foi muito difícil esse processo de transição capilar? E quanto a cortar o cabelo?
Benita -->> Foi um sofrimento pra deixar o cabelo sem nenhuma química, pois a diferença do cabelo com química pro natural se torna óbvia! Mas quando finalmente cortei (que também não foi fácil tomar essa decisão), me senti muuuuito feliz e aliviada de finalmente poder ser eu mesma.

cabeleira crespa -->> e na hora de ir a eventos, sair pra algo menos rotineiro?
Benita -->> Pra ir pra os eventos era sempre com um penteado que prendia o cabelo ou uma escova e chapinha pesada! Não aguentava mais isso! Daí descobri as flores e tiaras e até hoje continuo usando-as.

cabeleira crespa -->> como eram seus fios antes do relaxamento e qual a atitude da sua família em relação ao seu cabelo?
Benita -->> Os fios do meu cabelo sempre foram fortes. No tempo de relaxamento eu percebi que eles tinham uma queda maior. Mas quando eu cortei meu cabelo ficou lindo, macio, com brilho e os fios bem mais fortes! Antes de cortar minha mãe principalmente vivia reclamando do meu cabelo, dizendo pra eu parar de alisar e assumir o jeito que o meu cabelo realmente era. Então, quando finalmente cortei, todos da minha família amaram.

cabeleira crespa -->> por que o relaxamento e com quantos anos?
Benita -->> Sabe aquela fase de transição para a adolescência, quando tudo vai mudando, no cabelo, o corpo, enfim... Foi nesse momento que comecei a não me sentir feliz com meu cabelo e comecei a relaxar. E porque era moda, as cabeleireiras indicavam, enfim...


cabeleira crespa -->> e como foi o processo de decidir voltar ao cabelo natural e fazer o “grande corte” (big shop)?

Não aguentava mais gastar tanto dinheiro com esses relaxamentos. É um tipo de escravidão. Então decidi parar de usar a química. Passei cerca de dois anos. Meu cabelo era enorme e fui cortando aos poucos, então, quando já estava perto do ombro e já tinha quase 4 dedos de cabelo natural aí eu decidi cortar. No dia que eu decidi, fui em cerca de 5 cabeleireiras até encontrar uma que me transmitiu segurança e que eu realmente acreditei que faria um ótimo corte. Quando o corte terminou, eu já era outra pessoa! Eu era realmente eu.

Bom, meus amores. A Benita é uma linda que venceu essa fase difícil e hoje está feliz consigo. O cabelo tá crescendo. Foram 2 anos de muita paciência e hidratação, como deve ser. Hoje os frutos estão sendo colhidos, afinal, o importante é estar livre!
"Várias pessoas já vieram me pedir conselho se para ou não de colocar química pra relaxar o cabelo... Não preciso nem dizer minha resposta pra elas né?!” 

Benita Rodrigues é graduanda em Comunicação Social com 
Habilatação em Relações Públicas - UFAL


8 comentários:

  1. Oxe, eu?! Super me identifiquei com a entrevista da Benita. Passei por tudo isso! Acredito que a diferença é que, do tempo que eu passei sem dar química, um foi escovando ou deixando ele sempre preso e o outro foi com trancinhas nagô, que apesar de eu achar lindo, pesavam muito e quebrou muito o meu cabelo.
    Eis que chegou o dia que eu tomei a iniciativa de cortar, e eu mesma o fiz, com uma tesourinha de papel, de frente pro espelho, assustada e ansiosa pelo resultado. Me senti aliviada, sofri alguns preconceitos, principalmente de algumas pessoas da família, quando me viram gordinha e de cabelo curto. (hahahaha)
    Mas, agora, meu cabelo já cresceu um tanto, to felizona com ele assim, e JAMAIS QUÍMICA. Valeu a experiência!! rs.

    Beijo beijo,
    Isabela Barbosa.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns Benita!me identifiquei com a sua historia....cortei meu cabelo faz 4 dias e realmente me encontrei,agora é só alegria e muitas hidratações...kkk,bjus!!

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pelo corte, anônimo! A dica com as hidratações é a postagem "cronograma capilar", dá uma olhada... ;D

    ResponderExcluir
  4. Eii florzinhaa...
    Vamos trocar figurinhas, me segue http://cachosmakeevida.blogspot.com.br/
    Beeijo !

    ResponderExcluir
  5. Nossa cordei meu cabelo ja tei um dia ta bonito sabe mais muita gente fica falando q eu sou louca q ta feio essas coisas me abaten muito to super mal com isso mais cabelo cresce ne vamos ver la pra frente .bjs

    ResponderExcluir
  6. Força, flor.
    Todas as vezes que ouvir isso, pense no quanto seu cabelo ficará lindo depois.
    E essas mesmas pessoas são as que mais irão te elogiar.
    Você já é uma vencedora pela atitude linda de voltar a ser quem você é!
    Dá uma olhada nesse vídeo e saiba, não estais sozinha! http://www.youtube.com/watch?v=3YyYXFNWPJk

    ResponderExcluir
  7. Adorei a história da Benita, o cabelo dela está lindo, super cacheado e bem tratado, saudável. É isso aí.
    Anônimo, força ! A colheita mais á frente não tem preço !

    ResponderExcluir
  8. Faz 4 meses que estou na fase de transição, fui no cabeleleiro e pedi para cortar ele cortou bastante. Daqui a 3 meses eu volto e corto o resto, é simples assim. No começo fiquei com medo depois passou resolvi assumir os meus cabelos do jeito que são.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, tire suas dúvidas sem timidez! Deinha, Fezoka e eu vamos fazer o possível para ajudá-las. Obrigada por estar conosco, xero nos cachos! xD