29 dezembro 2012

cabelo É identidade



A FORÇA DO CABELO COMO IDENTIDADE AFRO-DESCENDENTE

Por Lays Peixoto e Nayane Leão
A importância de trabalhar com cabelo afro é também uma forma de manter a cultura viva entre a sociedade. Em Maceió o trabalho com tranças é raro e tem o custo em média de R$180,00. Porém, existem profissionais competentes que trabalham em salões e até mesmo em suas próprias residências. Como é o caso de Joseane dos Santos e Ivete Santos que são da mesma família e aprenderam a trançar cabelos juntas.  


 “Há pouco mais de dez anos, através de uma moça que foi fazer tranças na minha irmã, fiquei olhando como ela fazia, e quando as tranças dela folgavam, e a moça que ajeitava não morava mais em Maceió, eu ajeitava. Fui fazendo também nas minhas sobrinhas e algumas pessoas ficaram interessadas. E quando gostavam dos cabelos dos meus familiares, eles davam a minha referência. O trabalho de trançadeira virou a minha paixão!” conta Ivete Santos como surgiu o interessou por seu trabalho.  

Carnaval e final de ano são os períodos mais procurados e os penteados são variados: Kanekalon, Permanente afro, Tiara, Trança rasteira, Tranças enraizadas, Tererê, Dreadlock, Trança nagô, Black Power, fazem a cabeça dos negros e mulatos maceioenses. 
“Muita gente acha que trabalhar com cabelo crespo é fácil. Mas, é o tipo de cabelo mais difícil de trabalhar, pois é um cabelo frágil, e que requer um cuidado maior. Aqui em Maceió existem pessoas que não trabalham bem. Ainda há uma carência muito grande de profissionais de cabelo afro.” disse Joseane.

Além da carência do trabalho o preconceito ainda é forte, pois, as pessoas estão ligadas ao padrão de beleza que é imposto pela mídia de que pra ser “bom” tem que ser liso.  Sentir-se bem com o seu próprio estilo é o que Isabela Barbosa, 24 anos, professora de Sociologia e Filosofia diz para todas as meninas e mulheres que tem vergonha de ter o cabelo crespo ou cacheado.

“Eu sempre gostei do meu cabelo, mas quando eu tinha 19 anos resolvi alisar, fiquei dependente da escova e da chapinha. “Alisar nunca mais”. O fato de não querer assumir meu cabelo, depois me deixou frustrada, porque eu estava em busca de um cabelo que não era meu arrependida, conta Isabela. 

Cabelo ruim, de Bombril, pixaim, balaio duro... São como os cabelos de mulheres negras são conhecidos. O cabelo afro é a identidade estética do negro, e a relação que cada um tem com o seu cabelo é muito particular; de tal forma que o fato de saber ou não lidar com ele determina a forma de ser aceito perante a sociedade. A partir daí começa uma disputa em casa, em frente ao espelho, no trabalho, na escola e em vários outros lugares... De qual é o melhor cabelo, de qual é o melhor jeito de se usar os cachos e qual é a melhor maneira de defender a sua identidade.  
 E apesar de estarmos no século XXI, o preconceito ainda faz parte da vida das pessoas. Isabela passa por isso em seu ambiente de trabalho. O diretor da escola em que trabalha deixa claro que prefere que ela use o seu cabelo preso. Mas os seus alunos admiram os seus cachos soltos e acham bonito seu estilo.

***
 Zezito de Araújo, membro do Conselho Geral do Memorial Zumbi, historiador, professor da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), Militante do Movimento Negro e Coordenador do curso de história do Centro Universitário CESMAC, fala sobre a identidade negra, o cabelo afro e de como se deu o processo do entendimento de estética ideal para o negro.

1. Como se deu o processo de identidade da construção da pessoa negra no Brasil?  

Zezito: No período colonial as mulheres negras necessariamente não tinham preocupação com a estética no sentido de incorporar os valores europeus, pois, a sua condição de escravizada não dava espaço pra que ela competisse na questão de imagem. 

2. Por que as mulheres negras sentiam a necessidade de se igualar a mulher branca na questão estética?

Zezito: A mulher negra incorporava alguns elementos da cultura branca europeia mesmo que ela não tivesse a possibilidade de fazer o penteado e se moldar por aquele padrão de beleza. Mas, foi a partir da presença negra aqui no Brasil, que esse padrão de beleza ideal de pessoa branca e superior é imposto no processo da formação da sociedade brasileira. A partir da abolição da escravatura o que ocorre é o próprio mercado começando suas relações humanas e exigindo da mulher negra a estética branca.

3. Você já sofreu ou presenciou algum tipo de preconceito?

Zezito: Lembro-me de um fato interessante... Certa vez eu estava conversando com uma amiga minha e passei a mão no cabelo dela. E ela disse: Você está passando a mão no meu cabelo pensando que ele é liso é? E eu disse: Não! Eu passei a mão no seu cabelo por que eu tenho um instinto de passar a mão na cabeça das pessoas. E ela reforçou: Eu sou negra e jamais você vai encontrar um cabelo liso.  

4. Muitas pessoas passam por preconceito em seu ambiente de trabalho por conta do cabelo, o que você acha disso?

Zezito: Depende muito da situação do trabalho que você está exercendo, por exemplo, você não vai para uma igreja com roupa curta, pois o padre não deixa você entrar, por que os valores culturais para o ritual do cristão exige que você use determinadas roupas. Assim como alguns trabalhos exigem determinados tipos de penteados. Agora se o empresário falar “Eu não quero que você venha para o emprego por que você é negra” aí você pode até penalizá-lo por ser preconceito, mas em determinados trabalhos você não pode ir com qualquer tipo de roupa ou penteado.

5. O mercado de cosmético teve que se adequar a pele negra ou a pele negra que teve que se adequar a ele que até então só fazia produtos para pessoas brancas?  

Zezito: A indústria de cosméticos era muito falha porque ela achava que a pessoa negra teria que se adequar aos produtos e cosméticos dos brancos, mas com o tempo eles perceberem que estavam perdendo uma grande parte do mercado e então ele começou a produzir cremes e maquiagens, pois o problema não residia na pele, e sim na capacidade da indústria em se adequar-se. 

***

Lays Peixoto e Nayane Leão são acadêmicas de Jornalismo no Centro Universitário CESMAC.
Fotos: Lays Peixoto

28 dezembro 2012

penteado #cabelocumprido



Ói nós aqui travez! xD 
Arrasaram no natal com as dicas das postagens? Espero que sim! *-* Assim, ir soltando a juba é coisa aos poucos...  A gente começa numa fitagem que seja! ;) Tirar o shampoo da rotina, nem todo mundo faz. Não acredita. Mas o importante mesmo é se sentir bem e fazer isso naturalmente e sem pressa. Certo? ^^ É como decidir que vai fazer yoga, o Vitor, que dá yoga lá na Ufal, disse que levou 3 anos só pra decidir ir. E não parou mais! Bom, espero que o blog sirva pra isso: pra vocês decidirem usar as dicas daqui há três anos ou pra quem já está na ativa desde a primeira postagem... O importante é se soltar! E no que diz respeito a isso, eu vou tá aqui pra ajudar! xD
Mas vamos lá, chega de lero-lero e vamos ao que interessa! O penteado para cacheado cumprido é esse: 
Lindo mesmo! Vai dedicado a Leiliane, que pediu ontem e disse que seus cachos estavam bem longos agora. Colhi esse e acho que vai ser um sucesso! Vão precisar de grampos, spray e flores pra enfeitar. Lembrando que antes, sempre, tem que modelar os cachos. Aí tem a fitagem, o babyliss, culr forms... =D






 Passo 1: Separe uma grande mecha no topo da cabeça, pegando mais de lado, como na imagem. Lembrando que nos cachos já modelado, tem que pegar com cuidado.













Passo 2: Junte tudo para trás e prenda no com os grampos.
















Passo 3: Use spray fixador para ficar bem firme.
















Passo 4: Pegue uma mecha média lateral e passe para o outro lado do cabelo.













Passo 5: Faça o mesmo com uma mecha do outro lado, passando um pouco abaixo da primeira mecha. E repita com outra mecha, uma de cada lado.
















Passo 6: Fixe bem as mechas com os grampos, formando esse coque.















Passo 7: Repita o procedimento de fazer um coque com mechas, no estilo de uma florzinha.













Passo 6: Vá prendendo com grampos trazendo pra o lado que mais gosta. A dica ao colocar o grampo é sem abrir e com ele pra baixo, entrando por ele mesmo.







Ele vai ficar assim, aí é só enfeitar com flores, pontinhos de luz... como quiser: *-*

Eu achei lindimais, sô! 
 Bom, crespas, tomara que dê certo! E... xero nos cachos! xD \o/

Fontes: André Cherri, fotos by
http://gnt.globo.com/, extraído de

27 dezembro 2012

penteado #cabelomédio



A gente vai ver por aí notícias a respeito dos cachos. Que estão em alta, na moda, blá blá blá.... =p Não importa! Não importa se celebridade de tal lugar tá cachando, crespando, ondulando. Cabelo não é como roupa que a gente troca diariamente. Valorizemos o que é nosso, por natureza e cuidemos da nossa identidade e da nossa história! Poder é isso! \o/ Força na juba crespa e vamos para o próximo penteado, dessa vez, para cabelos médios
Ah, lindeza! \o/
E simples também, pra gente fazer em casa. Só vai precisar de grampos, pontos de luz ou entre enfeite e reparador de pontas.







Passo 1: Antes de começar o penteado, não esqueça que os fios precisam estar completamente secos. Para soltar os cachos e valorizá-los, use um reparador de pontas. Use algumas gotas e, com as mãos em formato de concha, amasse os cachos.













Passo 2: Divida a parte da frente do cabelo em algumas mechas. Para facilitar a divisão, use o cabo de um pente fino. Pegue uma mecha por vez e vá torcendo o cabelo para trás.









Passo 3: O cabelo deve ser torcido até o topo da cabeça. Para prender, use grampos da cor do seu cabelo.

Passo 4: Repita o mesmo procedimento na outra lateral da cabeça, até completar toda a parte da frente do cabelo.







Passo 5: Para dar mais volume, pegue uma mecha de cada lado da cabeça, junte suas pontas e prenda bem no alto da cabeça. Use grampos para fixar.













Passo 6: Com as mãos, ajeite os cachos. Faça isso com cuidado para que não desmanchem ou soltem alguns fios.













Passo 7: Para dar mais brilho ao penteado, coloque alguns pontos de luz para dar um toque especial. Se preferir, deixe sem, os cachos soltos e volumosos já valorizam o visual.



Pronto! Está linda e é só sair pra arrasar no Universo! ;) Liberta tua juba, mostra teu poder! xD

26 dezembro 2012

penteado #cabelo curto



Vamos arrasar na crespa pra festa de fim de ano? Vamos sim! xD 
Eu separei três penteados simples, práticos e bonitos pra vocês fazerem em casa. Um pra cada post. Vamos ver esse para cabelo curto
Arraaaaaaaasa!!! O poder! \o/
E é bem simples de fazer, e só precisa de grampos, prendedores, spray de cabelo e pontos de luz pra finalizar. Vamos lá:







Passo 1: Separe os cabelos em duas partes, atrás e na frente. Use alguns grampos para deixar a parte de cima presa e se concentre na metade inferior.






Passo 2: Use grampos para fixar um rabo de cavalo na parte inferior. É importante que os fios fiquem presos em uma altura próxima ao meio da cabeça.










Passo 3: Solte a parte de cima e, com a ajuda de grampos, prenda alguns cachinhos no rabo de cavalo. Não se esqueça de usar prendedores que tenham uma cor parecida com a dos seus cabelos para que eles não fiquem visíveis. Deixe alguns cachos soltos para que o penteado fique mais charmoso.




Passo 4: Como alguns cachos ficaram soltos, você pode usar um spray fixador para que as madeixas se mantenham modeladas.






Passo 5: Use alguns pontos de luz para incrementar o penteado ou qualquer outro acessório que tenha a ver com você.





Olha só o resultado final da produção! Ficou super moderno e dá para ser preparado em menos de 10 minutos. Invista sem precisar sair de casa pra isso! ;)
Dica minha: Spray Charming! Ele é uma beleza, encontrado entre R$15 e R$20 em qualquer farmácia. A outra é fazer a #técnica da fitagem antes do penteado. Bom, a dica do penteado está a dada, não é nada incomum, é simples e próprio das festas de fim de ano e para as curtinhas crespas. Espero que tenham gostado! xD
Fonte:   http://estilo.br.msn.com/

24 dezembro 2012

babyliss #fazendocerto



Amores, a postagem de hoje é bem curtinha porque é Natal e tá todo mundo de olho na ceia! xD
Até as festas de fim de ano, trarei sugestões de modelagem para os cachos, penteados, etc... ;)
Então, vamos falar de Babyliss! Ele é o sucesso dos salões quando o assunto é casamento e festas de fim de ano, festas em geral. Então, trouxe um vídeo da fofíssima Cinthya, que arraza nas dicas de cabeleira crespa pra você assistir e chegar mandando no cabeleiro! \o/ Mas............... eu sempre prefiro que façamos em casa. haha! O.O Vejam aí e arrazem na juba:

Ah, e............ Feliz Natal! Lembrando que o melhor presente é aquele que a gente não vê. Então, muita positividade, alegria e amor sempre! Amor sempre! xD

Fonte: http://cinthyarachel.com/

22 dezembro 2012

gel de linhaça



Vamos falar sempre de coisinhas naturais para o cabelo? xD #EuAcho Já que estamos em busca do nosso cabelo natural assumido!
Resolvi começar essa nova tag #receitascaseiras pelo gel de semente de linhaça porque este, é um achado! A linhaça é usada moída em alimentos devido ao Ômega 3 e 6, que ajudam na produção de prostaglandinas, que regulam processos variados do corpo. 
Mas o legal mesmo é que os Ômega 3 e 6 são ácidos graxos. E como o cabelo humano é levemente ácido, com pH entre 4,5 e 5,5, é usando ingredientes ácidos que podemos fechar e amaciar as cutículas dos nossos fios, abertas pelo uso errado e errado uso do shampoo
Então, quando ouvirem suco de limão sendo substituído por shampoo, não estranhem, é cabeludo agindo certo pra não usar Lauril, que abre as cutículas! #ParaNãoEsquecer ;)

Mas vamos lá aprender como fazer: =D

- 1 colher (sopa) de semente de linhaça
- 1/2 xícara de água 

Modo de fazer: 

Ferver por 5 minutos, indo mexer umas três vezes durante a fervida. Retirar do fogo levando direto ao coador. A parte líquida é o gel de linhaça! #SimplesAssim ^_^


Como usar: tem pessoas que já não precisam de leave in, por substituí-lo por essa receita caseira! Para bebês cabeludinhos crespos é ótimo, pra não acostumar a criança no caminho químico que ela não deve andar! E o legal, é que não passa de R$3,00! úú
Eu não me dei com ela, usando-a sozinha. Os naturais são fortes demais e podem acabar ressecando por sermos acostumados à química. Por isso é sempre bom misturá-los ao leave in - que evita o frizz - ou, dica de ouro: ao creme de hidratação e no condicionador! Aliás, adota pra vida aderir o gel de linhaça no creme de hidratação, seus fios ficam brilhosos e sedosos! Mas usa só na quantidade de hidratar por vez, não põe no pote todo. ;D
Bom, por fim, a receitinha só dura uma semana (então nada de se empolgar e fazer muito), guardada em recipiente de vidro na geladeira.
O uso de gel e outros produtos no cabelo crespo são para evitar aqueles famosos nós, que os fios tem mania de fazerem. Se isso acontece muito com você, desembaraçar na hora do condicionador ajuda muito. E aderir ao gel, que segura a modelagem do cacho. #ficaadica
Bom, é isso para hoje e espero que gostem! :D

Fontes: Hair Expers
http://revistamarieclaire.globo.com

20 dezembro 2012

modelando os crespos #fitagem2



"Ah, Tamires, a fitagem pega mais em cacheadas! Eu sou crespa afro, nega! Dá um truque aí?" Dou, eu não"
 ia deixar somente na #fitagem, porque  me liguei que ela é mais restrita mesmo. Mas quando o assunto é cuidar do nosso cabelo - o nosso mesmo - naturalmente nosso, tem dicas pra todos os gostos, estilos e opções! \o/ E eu faço questão de catar todas essas informações por aí e dividir! Porque a gente deixa de amar o cabelo por não saber como cuidar. Não sabe o que fazer, aí: corta, alisa, se livra! Tudo menos cuidar deles! :O Aqui o lance é cuidar, que quem cuida: ama! =D
Bom, o vídeo que vou postar aqui está em inglês, mas dá pra entender o passo a passo que ela faz e adaptar com os nossos produtos. Vejam:
Bom, pessoas... aqui foi a dica! Lembrando que sou eu que chamo de fitagem 2, viu? Viu. Pelo fato de ser mecha a mecha, sendo que aí, ela faz trancinhas de 2 mechas, aperta bem, uma boa é depois de todas as mechinhas prontas apertar com aquela camiseta que eu falei na fitagem 1 pra ir retirando o excesso de produto. A adaptação dos produtos podem ser a mesma leave in + gel + mousse.
Atenção para o leave in: passar direto o creme no cabelo, por mais que mecha por mecha, vai ensebá-lo.  Pra esse tipo de crespo a dica é colocar o creme misturado com água num recipiente borrifador. Agarra a dica pra vida toda, crespos! =D
O gel e o mousse, sem álcool e nada de jogar mousse pra cima todos os dias, hem? Se não resseca. O gel, eu vou ensinar o
natural... #aguarda ^^ 
E... força na cabeleira crespa e............. Depoimentos, beh!!!?? Manda pra mim! Manda perguntas também, sugestão do que vocês querem que eu escreva... Ah, vocês que mandam no Blog...  xD
Xerão!!!

19 dezembro 2012

meu cabelo não é liso, só isso



Olha gente, fiquei arrepiada com a bela postagem  que achei no Blog Ame Seu Crespo, feito pela lindíssima Nica, e trouxe pra dividir com vocês:

"Sobre aquilo que precisamos saber

Meu cabelo não é liso.

Meu cabelo não cresce para baixo. Meu cabelo não é escorrido. A raiz do meu cabelo não é baixinha. Meu cabelo não reflete a luz em um brilho espelhado. A textura dos meus fios não é sedosa ao toque. Meu cabelo não voa ao vento como nos comerciais. Meu cabelo também não permite que eu passe os dedos por entre os fios sem que eles fiquem presos. Eu não posso pentear meus cabelos secos com uma escova nem com um pente de dentes finos. Eu não gasto cinco minutos cuidando do cabelo. Eu não posso usar qualquer xampu nem posso ficar sem leave-in. 

O meu cabelo não é liso, mas não é por isso que o meu cabelo é ruim. O meu cabelo não é liso, ele é diferente. O meu cabelo é crespo. 

O meu cabelo tem volume. Tem textura. Tem corpo. Tem molinhas, ziguezagues. Às vezes não tem nenhum dos dois – é apenas um perfeito exemplar de cabelo do tipo carapinha. Meu cabelo faz coisas que um cabelo liso não faz. Ele precisa de coisas que o cabelo liso não precisa. Por isso, ele não pode ser tratado como um cabelo liso. Ele deve ser tratado como o cabelo que ele é. 

Ele não precisa ser transformado em um cabelo liso, até porque essa transformação é impossível. Ela será meramente visual porque, em essência, ele nunca deixará de ser crespo. 
Eu preciso saber que o meu cabelo não é liso. E se o seu cabelo for como o meu, você também precisa saber disso. Mas não basta saber, assim, da boca pra fora, tem que ter consciência disso o tempo inteiro, 24 horas por dia, sete dias por semana. Pode parecer óbvio, mas de tão óbvio às vezes a gente esquece. E a partir daí, criamos expectativas irreais para o nosso cabelo e nos frustramos. De decepção em decepção, nossa autoestima vai ao chão. E pra fazer com que ela se eleve de novo, amiga, é difícil e muitas vezes dolorido... 

Seu cabelo, como meu, precisa de mãos gentis, precisa de paciência, precisa de um pouco de compreensão. Ele precisa, sobretudo, de uma mudança de olhar, de uma quebra de todos os padrões existentes sobre o que é um cabelo bom, um cabelo bonito, um cabelo saudável. 

Todos os cabelos são bons e todos os cabelos podem ser bonitos e saudáveis quando bem tratados. Um bom tratamento se define por dar ao cabelo aquilo que ele necessita. Se os nossos cabelos não são lisos, eles não serão bem tratados se forem tratados como cabelos lisos. E nós não podemos acusá-los de ruins se o que damos a eles não é aquilo que eles querem. 
O seu cabelo não é duro, o seu cabelo não é palha, o seu cabelo não precisa ser domado – ele não está fora de controle. Pare de achar que o seu cabelo não tem solução – ele não é um problema, para início de conversa! Seu cabelo apenas não é liso."

Fonte: http://ameseucrespo.blogspot.com.br/

18 dezembro 2012

modelando cachos #fitagem

úú Momento esperado, não? 
Pois então, teorias à parte (é preciso), vamos para os resultados! =D
A primeira tequinica que trago pra vocês é a Fitagem. Uma forma de pentear os cabelos com os dedos somente, distribuir mecha por mecha os produtos que usamos pelo cabelo todo e claro, modelar os cachos.
Vejam vocês o tutorial da Thamara: 

Na hora de aplicar o creme no cabelo todo, o ideal é separar o cabelo em 4 ou 6 partes, pra aplicar o creme (leave in) em cada uma delas. Quando a gente aplica no cabelo todo, sem a fitagem ou outra forma de modelar o cabelo, o cabelo fica duro e lambido de muito creme mal dividido. 

A Thamara só usa leave in e já consegue um bom resultado. Mas pra ficar legal mesmo, usem o leave in + gel + mousse, nessa ordem. Os cachos ganham uma definição muito perfeitinha! Praqueles dias de festa! ;)


Ah, pega a aquela camiseta velha que nem usas mais e vai amassando as fitas, assim você não sai com o cabelo pingando, retira o excesso de produto e também ativa legal os cachos. Opa, amassa de baixo pra cima! ^^

Para um efeito mais natural: Onduladas, o ideal é buscar "fitas" mais grossas;
Crespas: quanto menor a fitinha, melhor. =D

Se liga na dica de ouro que ela deu: não parte o cabelo de lado ou no meio. Deixa o cabelo escolher pra que lado vai. Que aí, durante o dia você tem liberdade pra ficar mudando... ^^

Prontinho! Dá trabalho de fazer, mas com o tempo a gente vai ganhando agilidade e pensou que não, fez em 10 minutos! É uma dica de ouro e primeiro passo pra dá uma liberdade maior aos cachos. Nada de pegar o pente ou a escova, meter pra cima com 1kg de creme na cabela e deixar lá todo lambido. Você não precisa disso! Solte os cachos, depois me diga... =D

lavando os cabelos



"Txá besteiraaaa!!! Quem não sabe lavar os cabelos?" úú Desce do pé de coco, lagarta de fogo! Tá pensando que é só assim? 
Apôis, cuidar de cachos, ao contrário do que muitos pensam não é difícil. Nem fácil. Técnica de como lavá-los? Tem também. Porque - é verdade comprovada - os cabelos cacheados e crespos são bem mais frágeis que os lisos! Então pra melhorar a dinâmica, vou dizer o que não se pode fazer ao lavar os fios, certo? ^^

1 - Não lavar os cabelos todos os dias -->> preserva o manto hidro lipídico dos fios, isto é, a gordura natural produzida pelo organismo que auxilia a proteção da haste capilar.
- O couro cabeludo precisa de 24h para secar completamente, segundo especialistas. ;) Então, lavar os cabelos somente 2 ou 3 vezes na semana. A água, já danifica os fios com o cloro, por isso quanto menos, melhor. Mas não vai passar mais de uma semana sem lavagem, hem? \o/ Sim, tem o sol nordestino também, que já deixa os fios ressecados demais pra receber muito xampu e água. Aí, xampu só quando for dia de hidratação! (vejam técnica do Co-Wash)

***dica de ouro pra quem faz academia e outros exercícios: utilizar pré-xampu para retirada de resíduos, quando os fios ainda estiverem secos, e retirar com uma ducha de água morna (a água morna nesse caso, é para uma maior limpeza). Isso pode ser feito dia sim, outro não. Tem o pré-xampu esfoliante da Éh Cosméticos (preço médio R$19,90) ou o Peeling Hair, da VitaDerm (preço médio R$16,90).

2 - Não esfregar os fios!!!!!!!!!!!!!!!
- fio é coisa muita delicada, gente. Cacheados e crespos então, nem se fala! Esfregar os fios é abrir ponta dupla neles! O movimento é circular no couro cabeludo, pra quem tem menos oleosidade. E movimento de garra, como quando a gente hidrata, mecha a mecha. E nada de unha no couro cabeludo. Quando eu falo em delicadeza, isso é coisa séria. E couro cabeludo que recebe unha, recebe diversas infecções também. Então, ponta dos dedos para lavagem. ;) 

*** que isso também sirva na hora de enxugar os cabelos, hem? Já vai amassando daí. Nada de esfregão nos cabelos, pelo amor da Santa Padroeira dos Crespos! \o/ #oremos

3 - Não lavar com água quente
- isso é uma exceção em dias de co-wash completo (o incompleto é só a lavagem com condicionador e muuuuita massagem nos fios e no couro, pros menos oleosos nele.). Água fria deixa as escamas dos cabelos fechadinhas, que e é o ideal para ter cabelos brilhosos depois da lavagem.

4 - Não aplicar xampu nas pontas
- porque as pontas já são secas e já é difícil fazer com que hidratações, leave in (creme) e finalizadores cheguem até elas. Lavando com xampu nelas, aumenta o ressecamento. Pega as pontas e leva-as até o couro misturando-as aos fios. Ou simplesmente, deixe que a água que escorre com o xampu percorra até elas, isso já vai limpá-las ;)

Bom, essas são as dicas mais básicas. Mais à frente, passarei mais dicas nos posts sobre o assunto. Continuem participando e um salve bem grande pros novos curtidores da página!! =D 


Fontes: 
http://revistashape.uol.com.br/
http://mulher.uol.com.br/

Beijos da Tam... :o)

técnica do co-wash



Cabeludos e cabeludas, como falei em um post desses perdidos por aqui, utilizo o xampu pra lavar o cabelo somente no dia que vou fazer a hidratação. No dia de somente lavar os fios, utilizo somente condicionador. Por que? Porque sou crespa e crespa já tem fios ressecados por natureza. Utilizar xampu achando que vai ficar com os fios limpos vai ter de brinde cabelos mais secos ainda. Então usar o condicionador para lavagem não só limpa quanto mantém os fios hidratados. ;) #ficaadica
E aí vocês me perguntam -->> "E o cabelo fica limpo, Tamires?" E eu digo que sim! Claro que sim, de menor intensidade os condicionadores também possui elementos limpantes. Só que mais hidratantes, do que limpantes, é claro. O que vai ajudar na limpeza é como você o fará. ;) Destaco um post do Blog Encaracoladas sobre a lavagem com condicionador, ou seja, o Co-Wash para vocês, que vocês podem fazer exatamente como está na dica ou de forma adaptada pros que tem menos tempo: 

"Co-wash significa lavar apenas com condicionador (COnditioner WASHing), mas existem outras formas de fazer o co-wash, como por exemplo, lavar os cabelos apenas com água.

Para quem já torceu o nariz, saiba que essa técnica pode fazer toda a diferença quando estamos falando de cabelos super ressecados e couro cabeludo seco. Logicamente, quem tem couro cabeludo muito oleoso deve passar longe dessa técnica. Algumas pessoas com couro cabeludo levemente oleoso relataram grandes melhorias com essa técnica, pois o óleo consegue distribuir-se melhor pelos fios e não fica concentrado na raiz.
Se seu cabelo natural é muito ressecado, você provavelmente gostará muito do co-wash. A lavagem apenas com condicionador evita o atrito entre os fios e o ressecamento demasiado deixado pelo shampoo e de quebra ainda ajuda a manter o cabelo macio.

A técnica de co-wash pode ser feita frequentemente, até mesmo diversas vezes um o dia (ótimo para os dias quentes de verão).

Há algumas etapas para obter os benefícios desta técnica:

* Primeiramente encontre um condicionador bom para seu tipo do cabelo. Evite comprar produtos mais hidratantes do que você realmente precisa e é lógico que o contrário também é válido. Procure por palavras-chaves como cabelos crespos, cabelos danificados, cabelos secos ou cabelos ressecados, etc.

* Conheça seus ingredientes: Com um pouquinho de familiaridade com os nomes difíceis dos rótulos, você pode aprender a encontrar os ingredientes você precisa para os seus fios e aqueles que você deve evitar. Bons ingredientes são o propylene glycol, o cetyl alcohol e o panthenol, super comuns em fórmulas.

* Enxágue o cabelo com água morna. Evite a água muito quente. Limpar os fios resulta da ação da água mais o higienizador (shampoo e/ou condicionador) e a massagem capilar. Ao enxaguar com água morna abra delicadamente seu cabelo apenas com os dedos, desembaraçando os fios.

* Aplique seu condicionador. Isto pode ser feito em diversas maneiras:

(1) Aplicar uma linha de condicionador em sua mão e aplicar cada linha em mechas diferentes do cabelo. Trabalhe o condicionador das raizes às pontas. Faça isso até que todo o cabelo esteja coberto.

(2) Derramar uma quantidade normal de condicionador em uma grande bacia, preferivelmente de plástico, adicionando água do chuveiro na mesma, misture bem a água e o condicionador com as mãos. Coloque sua cabeça em cima da bacia. Com um copo ou o outro recipiente pequeno, derrame a mistura nos fios.

(3) Coloque uma quantidade normal de condicionador em um frasco limpo de spray pulverizador e misture-o com água. Agite bem e pulverize no cabelo. Este método pode ser demorado para ser usada em banhos rápidos.

* Penteie seu cabelo com as mãos ou com um pente de dente largos e arredondados. Esta etapa é opcional, depende de quanto seu cabelo embaraça. A ideia principal aqui é desembaraçar os fios e distribuir uniformemente o condicionador.

* Permita que o condicionador fique no cabelo por alguns minutos.

* Enxágue bem o cabelo com água morna. Passe os dedos através de cada seção para remover completamente todo o condicionador.

* Opcional: Aplique seus produtos leave in nesta etapa enquanto seu cabelo está muito molhado. Muitas pessoas acreditam que a melhor absorção do produto é neste momento. Seus produtos podem ser distribuídos mais uniformemente enquanto seu cabelo estiver super molhado.

* É hora de secar e há diversas maneiras para secar o cabelo:

(1) Toalha: Evite esfregar seu couro cabeludo e cabelo com uma toalha! Em lugar disso, simplesmente aperte o cabelo, ou pegue seções e esprema a água na toalha. Prefira toalhas de papel ou microfibra que evitam o frizz.

(2) Agitar: Coloque a toalha nos ombros. Agarre os cantos inferiores da toalha e levante-os formando uma bolsa. Com a toalha nesta posição, agite a cabeça de um lado ao outro. Este é o “método sem toque”. Às vezes secar o cabelo diretamente com a toalha pode remover os produtos que você aplicou. Este método é perfeito para os meses mais quentes.

(3) Secador: Ao secar, o uso de um difusor é melhor. Um difusor espalhará o calor de seu secador mais uniformente e minimizará o dano pelo calor.

Com um pouco de prática a técnica fará parte da rotina e a todo o procedimento será bem rápido."
 Bom gente, aí está a dica. Como falei no começo, adaptem para vocês. Ouro: enxugar o cabelo com toalha de microfibra, ou uma camiseta de menor algodão na composição do tecido é incrível. Toalha de papel é como qualquer coisa de papel, gastar árvores! :O Lembrando que: tudo o que fazemos nos crespos, desde a lavagem, ao uso do creme (leave in) é amassando os fios. Nada de esfregão nos cabelos! Ah, lava com a água morna só na primeira vez, pra abrir os fios que vão receber o condicionador. Depois, no último enxágue, água fria pra fechá-los. Espero que sirva e quem experimentar, vai me contando... =D

Ah, já ia esquecendo: o condicionador Morango e Burity, da Surya Brasil é o mais indicados pelas cacheadas net e Brasil a fora para fazer o Co-Wash. ;)

Fonte do artigo: Ezine Articles
Extraído de: Blog Encaracoladas

17 dezembro 2012

lauril nunca mais


Bom dia, crespos e crespas da minha vida! =D
Brigadinha a todos que curtiram a página lá no Face! ^^

Então, já conversamos aqui sobre o componente Lauril Sulfato de Sódio, responsável por produzir a espuma dos produtos (xampus, detergentes, sabonetes, etc.) e claro, afetar nossa fibra capílar: objetivo principal. Não caiam nessa de que o mal é o sal. Não mesmo!
Só que assim: o Lauril é o mais gritante desses componentes que danificam os cabelos. Porém, existem outros elementos na composição de um xampu, que precisamos evitar. Mas deles, vamos falando mais à frente. Os produtos livres de sulfatos, também são livres de outros malignos. De primeira, viram "sulfato" na composição, fujam que é maldição! úú
Como eu prometi que não demoraria a falar sobre os produtos, vamos conhecer os liberados para uso nos cachos. Será a parte mais difícil da rotina: retirar o uso do shampoo dos nossos fios. Não falo só dos fios crespos, não, viu? Lisos e lisas do meu s2 adiram também à rotina!
Até porque os produtos sem Lauril comercializados no Brasil são bem escassos e a maioria não define seu uso somente nos fios crespos. Porque cuidado com a fibra capilar, todos precisamos, neh gente? \o/
Bom, pra começar existe o produto sonho de consumo pra qualquer cristão crespo
que - assim como eu - é estudante, bolsista, estagiário, ou ator/atriz em Alagoas. #SóJesusNaCausa
São os produtos da linha Deva Curl, que mais que uma empresa que produz produtos para cabelos, funciona como um CSI dos cachos: eles investigam mesmo! Mais tarde (em meses, #profetiza \o/), quando eu puder comprá-los, vou testar e fazer a resenha pra vocês.





Olha o figurinha aí: esse é um dos kits Deva Curl. 
+ - R$255,00 o kit! :O Separadamente, é possível encontrá-los entre R$36 a R$60. Deva é uma linha completa elaborada apenas com ingredientes botânicos (livres de sulfatos e silicone) que rejuvenescem, restauram e respeitam a essência natural dos cabelos.Todos os produtos Deva contêm o complexo DV, uma combinação de seis ingredientes botânicos que ajuda a manter a hidratação e o condicionamento dos cabelos, facilitando a modelagem dos cachos.


Calma, que na vida tudo é possível. E é possível, sim, cuidar das nossas molinhas de forma acessível. Eu falo da linha Multi Vegetal, uma linha de fitocosméticos, ou seja: cosméticos naturais elaborados com óleos, manteigas vegetais e extratos de plantas medicinais. Tudo que nossos fios capilares precisam receber!
Seus produtos capilares são em sua fórmula livres de lauril sulfatos, parabenos, etanolaminas, corantes, fragrâncias artificiais, polímeros sintéticos, produtos derivados de petróleo ou de origem animal e o mais legal: PRODUTOS NÃO TESTADOS EM ANIMAIS! Pareceu propaganda, não foi? Mas não, é que como é um produto que eu uso, tenho mais propriedade pra falar sobre! =D
E digo mais: meus fios ficaram muito mais bonitos depois que o aderi. *-* Eu uso o Conjunto Para Cabelos Escuros (o da imagem) e compro-os a R$39. Mas.......... fico com eles uns 2 meses! E olhe que lavo meus fios duas vezes na semana. Esses produtos são muito econômicos, se você souber usar. Não vale querer fazer o máximo de espuma pra achar que tá limpando. Eles produzem pouca, por serem naturais. Como eu utilizo: uma vez na semana, lavo com o xampu - que é no dia de hidratá-lo -, e no dia de só lavar, utilizo somente o Condicionador, com a técnica do Co-Wash (para as próximas postagens). Usar o xampu é pra dá uma abertura nos fios pra receber elementos que o hidratarão. #ficaadica

Ah, e tem mais, o atendimento no site é muito bacana, viu? Os produtos chegam na sua humilde residência em 2 dias, conforme o combinado. E pra combinar, eles até ligam pra você, caso aconteça algum problema. E outra: a cada produto acrescentado na compra, o frete diminui, até chegar em R$0! \o/ Importante: a empresa é totalmente brasileira, porque eu acho isso importante. Não vou divulgar o site aqui, não, tá? Me peçam na página, que mando.
Bom, além desses dois, tem mais produtos sem sulfatos que podemos e devemos usar, são eles:



Linha de Shampoos Amazônia Preciosa da Surya Brasil ( A partir de R$ 26,90): A linha tem produto Para Cabelos oleosos ou Mistos: Controla a oleosidade, prevenindo contra o ressecamento das pontas. Mantém o couro cabeludo saudável e protege a fibra capilar. Shampoo sem sal. Livre de parabenos, óleo mineral e Lauril; Para Cabelos Cacheados e Encaracolados: Alto poder de hidratação e emoliência. Cabelos macios com ação anti-frizz. esembaraça os fios, controla o volume e modela os cachos. Fortalece o cabelo e dá brilho extra; Cabelos tingidos e danificados: Previne o cabelo contra o ressecamento, proporcionando maciez e leveza aos fios. Preserva a coloração no cabelo por mais tempo, impedindo o desbotamento da cor.
Da mesma marca, tem a linha de Buriti: age como protetor solar natural, enquanto as proteínas vegetais recuperam os cabelos maltratados por química, esses eu já encontrei em sites por R$7,00 e varia disso a R$20, é bem baratinho:














Bed Head Superstar Sulfate-Free Shampoo (entre R$40 e R$55): Indicado para cabelos finos e sem volume.
Sua fórmula livre de sal, à base de proteínas e óleos ricos em nutrientes, protege a cor e doa volume, além de proporcionar hidratação. O resultado são cabelos fortalecidos, hidratados, macios e com brilho intenso.





Percebam que, sobre os produtos apresentados, os sites falam dos elementos que os compõem e que resultado deles provém. Em algum comercial de TV sobre xampus, foi dada essa explicação? Tão minuciosa dos elementos? o.O 
#apensar

Bom, pessoas, eu filtrei na pesquisa entre os mais baratos e acessíveis e claro, de boa qualidade. Testados não por mim, que ainda estou no começo das descobertas e dos cuidados e do carinho e do amor aos cachos. Mas testados por diversas pessoas de cabeleira crespa e super atenciosas com isso. =) 
Lembrem-se que, sair da maldição do shampoo com sulfatos não é simples. O cabelo passará por um processo de adaptação que não se resolve em duas semanas. É preciso ter paciência. Ah, pode combinar os produtos e marcas, viu? Diferente do mito que ouvimos, não é obrigado nem prejudicial combinar produtos que usamos nos cabelos. ;)
Ó, só: os xampus orgânicos tem o odor forte, então, quem tem problema demais com isso, optem pelos mais leves.
E assim, não esqueçam de dividir as experiências aqui no blog pra todos ficarem por dentro do que o outro passou. Desde escolha do produto, site que comprou (pra sabermos se é confiável) e a rotina de uso, claro!  Vamos combinar? *-*
E quem ainda não curtiu a página do blog no Face, vai lá: https://www.facebook.com/cabeleiracrespa

Bom gente bonita, espero sempre e de coração poder ajudar. Xero no peito! =* 



Fonte: devidos sites dos produtos.*
*Pra não me comprometer com sites problemáticos, não passarei os endereços que ainda não conheço por compra.

15 dezembro 2012

os 10 mandamentos dos crespos


Vamos dar as mãos nessa hora e fazer o juramento! =D

1 - Protegerás suas molas enquanto dorme.

Use fronha de cetim.


2 - Manterás o cabelo hidratado em todos os momentos!
Use leites e leave-in regularmente.

3 - Nutrirás teu cabelo com produtos que possuam ingredientes de boa qualidade!
Use linhas de produtos naturais.

4- Sempre desembaraçarás para manter tua juba perfeita.
Use um pente de dentes largos quando estiver no chuveiro.

5- Não mexerás no cabelo seco. Tocar nos cachos secos leva ao frizz.
Mantenha suas mãos afastadas!

6 - Hidratarás profundamente uma vez por semana.
A hidratação é essencial para cachos saudáveis.

7- Limitarás o calor no cabelo. Calor retira a umidade dos cachos e causa danos como a quebra.
Miniminize o calor e ame sua textura natural.

8 - Não dará falso testemunho de um produto porque é moda.
Faça pesquisa, teste, leia comentários; então compre e use produtos que dão resultados.

9 - Não cairás na tentação pela gula de viciados em produtos.
Afetará sua conta bancária bem como o espaço que você tem para guardar esses produtos.


10 - Amarás seu cabelo no que diz respeito à sua textura, tipo ou padrão de cachos.
Cachos são lindos, sexy e ousados - curta-os como eles são!

Aqui já foram boas dicas... vamos nas próximas postagens voltar várias vezes para elas... ;)

Fonte: Naturally Curly
Fórum Encaracoladas

dica número um

"Para de enrolar e dá logo dicas, Tamires!" Tão todos pensando isso, neh? =D

Então, tá, vamos lá!
Começarei por onde comecei quando resolvi não abrir mãos dos meus cachos. Fui procurar dicas de cuidado, e achei uma coisa muitíssimo importante! A composição do shampoo:

SHAM = Sodium Laureth Sulfate
POO = espuma do mal

Existem três tipos de Lauril Sulfato de Sódio, o que produz a espuma do mal:

Lauril Sulfato de Sódio (existe na forma sólida e líquida) é um detergente potente sendo extremamente agressivo à pele e por isso seu uso em shampoos e sabonetes está caindo em desuso. Também pode ser usado como emulsionante para cremes aniônicos.

Lauril Éter Sulfato de Sódio (líquido) é uma evolução do anterior sendo mais suave e provocando uma menor irritação e ressecamento.

Lauril Éter Sulfato/Sulfossuccinato de Sódio (líquido) é um blend do anterior com o lauril sulfossuccinato de sódio, é o lauril mais suave sendo usado em produtos infantis, veterinários e para peles sensíveis pq não resseca a pele e não arde os olhos.

Aí vocês me perguntam: "e daí?" E eu digo pra vocês que isso que a gente coloca na cabeleira acaba justamente com o principal do nosso fio:

a fibra capilar, constituída por 3 camadas: cutícula, córtex e medula. A cutícula é a camada mais externa, responsável por regular a entrada e saída de água da fibra.

O córtex é responsável pela maior parte do fio e sua força (onde fica a queratina). Quando essas camadas são danificadas as células cuticulares se separam, a superfície então fica rugosa e porosa. Assim o cabelo quebra mais facilmente, fica opaco e sem brilho, pois a luz não reflete na superfície irregular.

Quando a queratina é danificada, isto é, a estrutura capilar, as pontas se quebram e se separam em partes (pontas duplas , triplas, etc).  Essas pontas não se reparam, o dano é permanente, e só será revertido com o crescimento de um novo fio sem danos químicos ou físicos. As pontas duplas devem ser cortadas porque elas não ficam “paradas”. Elas vão “subindo” pelo cabelo danificando o fio e formando nós que dificultam desembaraçar os cabelos.

E qual a maior dificuldade dos cachos? Por serem molas, os elementos não se espalham regularmente e mal conseguem chegar às pontas. Com as cutículas quebradas, eles sofrerão um processo permanente de quebra, e o ressecamento e a porosidade será gritante, que nem na imagem!
E pra completar,  vem  além do Shampoo com Lauril, os alisamentos, o uso excessivo de secador e chapinha e tinturas e descoloração descontroladas!
Aí, não tem cabelo que aguente!
Por isso, a primeira urgência, é parar com esses produtos que encontramos no supermercado, chegados lá pelas propagandas enganosas de que nossos fios ficarão perfeitos, balançando em câmera lenta.
Não é fácil, pois, fomos educados a lavar os cabelos com shampoos, mas esse é o erro! Devemos procurar produtos que não produzem espuma ou produtos orgânicos para os nossos fios.

Na próxima postagem - não demorarei - falarei sobre os produtos liberados para o uso! Até logo mais, crespos e crespas! ;)


CSI - Curl Science Investigation (Investigação Sobre Cachos ou Deva Curls)
Imagem cedidas pelo Google... hehe

14 dezembro 2012

meu antes e depois

ANTES
Cacheado com efeito "lambido", fica definido quando molhado, mas ao secar aparecia o desequilíbrio: porque o creme não foi bem distribuído, algumas mechas ficam voando, outras presas no creme, então uma parte do cabelo armava e uma outra ficava grudada. Os cachos são todos colados e quando seca, atrás fica  bem cheio, e por esse motivo eu só vivia com o cabelo preso. =/ 

O que eu fazia o.O
Usava shampoo com sulfatos; Hidratava uma vez a cada três meses; Passava o creme todo de uma vez no cabelo; - Lavava quase todos os dias; - Nunca cortava; - Prendia com elástico e molhado- Esfregava o cabelo na lavagem - Usava toalha de banho pra enxugar o cabelo. =O

DEPOIS
Juba solta! O resultado é ele definido quando molhado e quando solto armar equilibradamente, volume bonito! xD Mas esse é o resultado de 6 meses de cuidados. E ainda há muito a melhorar. Leva tempo mesmo pra termos o resultado das hidratações, etc fazendo efeito.  Mas vale a pena! =D

O que eu faço
- pentear os cabelos -->> o ideal é uma escova de cerdas naturais, pois ela espalha a oleosidade natural dos cabelo crespos, concentrada na raiz do cabelo. Muito difícil de encontrá-la no Brasil, mas pentear com os dedos já cumpre a função. 
- desembaraçar -->> pentear das pontas para cima. Não de cima pra baixo, isso embaraça mais ainda e quebra o cabelo. Caso pentear com os dedos não resolva, no banho penteio com um pente de dentes largos e de madeira. Pentes e escovas de plástico provocam atrito no cabelo, quebrando os fios e fazendo perder a massa capilar.
- produtos finalizadores -->> leave-in, gel de semente de linhaça (ou algum outro gel profissional ou vegetal, mas eu prefiro a linhaça que é natural). Mousse vez ou outra, que ele tende a ressecar o cabelo, por isso não é legal usar todos os dias. É preciso sim, bons produtos finalizadores e em muita quantidade, porque só água não forma as molas dos cachos. Antes de dormir: leave-in + sérum reparador. No outro dia, spray (não gosto muito) ou creme + água num borrifador. Passo mecha por mecha o leave-in e depois da Fitagem pronta, passo o gel de linhaça por cima, com cuidado.
- modelagem/estilização -->> A gente precisa modelar o cabelo, ele não faz isso sozinho. Pentear com os dedos já modela e passar os finalizadores mecha por mecha também. Faço fitagem a cada 3 dias. A cada 3 dias porque antes de dormir prendo ele lá em cima, perto da testa e no day-after (dia seguinte) ele fica melhor que no dia anterior (dia D) e eu não preciso mais molhar/lavar e modelar todos os dias;
- secagem -->> técnica do polppling. Cliquem e adiram. Secador com difusor é legal, seca modelando os cachos, mas não sou fã, não. É aquilo pra usar pra ir em casamento, que são umas três vezes por ano. Polppling pro meu dia-a-dia basta.
- hidratação -->> cabelo nenhum  pra ficar sem hidratação! Cabelo cacheado é que não pode mesmo! Por serem molas, a água do cabelo se perde, impossível de chegar até as pontas. \o/ Aliás, hidratação é o mínimo e nem isso eu fazia! Cabelo precisa de hidratação, nutrição e reconstrução. Vejam o post e façam e adiram! Ou pelo menos hidrate o cabelo uma vez por semana, já repõe água e diminui o ressecado. Mas o cabelo não precisa só de reposição de água, precisa repor nutrientes e proteínas também pra estar saudável. Eu hidrato com maizena, que turbina o efeito, vejam aqui.
- corte -->> Cabelo reto, seu lindo, não te quero mais! \o/ Me libertei do medo de tesoura e euzinha mesma cortei meu cabelo em camadas. Hoje, sim, os cachos tão valorizados. O corte, vocês aprendem aqui. Se joguem sem medo, cabelo reto é pra liso ou alisado! Os cachos precisam de cortes que façam com que uma mola entre na outra... Ah, e ir pro salão de beleza pra cortarem nossos cachos com ele molhado e a gente voltar careca, ninguém merece, neh? ;D
Ufa! Parece muita coisa, neh? Mas não é não e tem mais. \o/ Isso é o básico pra ter um cabelo bem tratado e saudável, que é o meu objetivo. E pensar que eu quase alisaria, me livraria dos cachos porque eu não tinha conhecimento de como cuidar deles! Eu descobri na internet que não sou a única e por isso o blog, pra dividir esses conhecimentos com quem como eu, já passou por essa aflição ou está passando. Além do que, gente, seria mudar a minha identidade. Meu cabelo fala por mim, o que eu sou. =)
Está refeita a postagem Meu Antes e Depois e espero que tenha ajudado. Percebi que antes tava muito vago. Qualquer dúvida é só chegar junto! ;D