03 agosto 2016

Alerta!!



Eu quero fazer um alerta a todas as pessoas de cabelos cacheados e crespos que estão aqui. Não como profissional de cabelos, não como Assessora dos Cachos. Esqueçam. Esqueçam que eu trabalho com o produto mais caro de cachos – eu trabalho mesmo, não sou hipócrita, o produto é bom -, qualquer rótulo sobre a minha pessoa, esqueçam. Porque o alerta que eu quero dá é sobre a Indústria de Cosméticos. Ultimamente eu tenho observado nessa minha estada muito fora das redes sociais, mas no dia a dia, muitas marcas surgindo, com rótulos bonitinhos, cheios de produtos enfeitados, mas que o conteúdo não vale de nada. Eu falo isso quase todos os dias pras pessoas e agora vou repetir: é um ciclo vicioso. É veneno livremente sendo vendido pra ter também um antídoto pra comprarmos. Pra que a gente viva num desordenado consumismo. Não estou falando de preço. Preço é pura ilusão. Você compra o mais “barato” e ele vai sair caro, a partir do momento que você precisa desse barato em muita quantidade. Porque ele vicia e você passa a precisar de muito.  Um produto de qualidade que você acha que paga caro, você usa pouco, esse produto rende não por 1, mais meses e você só volta a comprar com muito mais tempo e cada vez mais, menos. Já no ciclo, imposto pela Indústria, você usa um shampoo que resseca muito o cabelo, sente a necessidade de tapar o buraco de ressecamento que ele deixa e sem saber do mal, usa petrolatos e silicones. Às vezes até sabe do mal, mas não acredita, porque a Indústria já colocou na sua cabeça que “é assim mesmo.” E como os silicones são acumulativos, você precisa de um shampoo mais forte, aí o cabelo resseca mais, claro! e aí você continua tapando o fio com silicones ao ponto de acreditar que depende disso. Mas silicones e detergentes são sintéticos, a combinação perfeita para a Indústria. Enquanto esse ciclo existir, não teremos cabelos hidratados nunca. Vou repetir: enquanto esse ciclo existir, não teremos cabelos hidratados nunca. Quem foi que disse que Low poo é usar silicones tranquilamente – remomíveis em água ou não – e com um shampoo mais fraco é só retirar o silicone e tudo beleza! Não! Eu já passei por isso, de acreditar nisso que chamam “rotina low-poo” e acabei caindo na escravidão do ciclo. Até porque silicones são acumulativos, não vão sair nunca com lavagens “Co-Washes” mesmo. Estou dizendo porque tem muita gente combinando petrolato com lavagem com condicionador proibido. E o resultado disso? Caspa, muita caspa. Aí a Indústria já repaginou os frascos de tônico, pra você gastar dinheiro com produto, mas não procurar um dermatologista. Eu estou escrevendo tudo isso, porque estou realmente preocupada em a nossa liberdade, a nossa vitória dos cabelos assumidos, a nossa discussão de IDENTIDADE, serem invadidas pela Indústria de Cosméticos a ponto de virar uma bagunça. Por favor, não coloquem café em pó no cabelo e nem maionese. O primeiro, feriu o couro cabeludo de uma amiga e o segundo, tem sal, pouco não, muito sal mesmo. E aí, como uma piada, lançaram um produto chamado MAIONESE CAPILAR. Que vergonha. E o Azeite para umectar em produto e não óleo? O óleo de coco falso e caro? Estão rindo da nossa cara. E a gente pagando pelo ciclo. Alimentando isso com o nosso dinheiro. Porque descobriram que negro, tem grana, beleza? E a gente paga. A gente paga como todo mundo pela nossa beleza, pela nossa auto-estima, pela nossa imagem, pois somos lindos e nos achamos lindos! Aí é que a gente paga mesmo! Como disse recentemente uma cliente, sobre o comentário de alguém pra filha dela “nossa, como seu cabelo está lindo!” Responda assim: “é porque a minha mãe trabalha.” E a gente trabalha mesmo. Mais um motivo pra deixar de alimentar o ciclo e cuidar não da consequência – mas da causa. Não vamos admitir que nos enganem. Não vamos julgar quem pode ou não comprar. Quem pode ou não cobrar. Vamos nos unir e vamos abrir os olhos pra todas as revoluções e apoiá-las. Apoiar o colega que quer crescer vendendo seus lenços de turbantes ou seus BC’s em casa e dizer pra Indústria que somos muito mais que potes e frascos de produtos de cabelo. Somos conteúdo e queremos conteúdos melhores para os nossos cabelos.


Tamires Melo



13 abril 2016

Entendendo a queda de cabelo



Símbolo  político de resistência, beleza, muito mais do que função de proteção do couro cabeludo e pele, o cabelo tem impacto psicológico sobre a vida das pessoas.
Na minha opinião pessoal a beleza não está associada ao cabelo. Conheço pessoas que optam por raspar a cabeça e são lindas, e pretendo falar mais sobre isso em outra postagem. Hoje nosso post é sobre a queda do ponto de vista de saúde.
Se pro organismo o cabelo não tem função vital, para a alma a relação é inversa. Os problemas capilares trazem sentimento de insegurança, baixa de autoestima o que muitas vezes é porta de entrada para problemas sérios como a depressão.

De todos os problemas do cabelo, o que mais assusta é a queda capilar. A sensação de ver o cabelo cair e não ter como controlar é a de impotência e extrema melancolia.
Há vários tipos de queda:   Tricose (quebra da haste do cabelo),  Xerose (quebra por ressecamento excessivo), eflúvio  telógeno (causado por  cirurgias, estresse, uso de medicamentos, uso de drogas, pós-parto,  doenças em determinados órgãos, dietas), alopecia ( cicatricial, androgenética, areata,  por quimioterapia). Deficiência nutricional e hormonal.
O grande vilão da queda é o estresse. O estresse é estado psicológico decorrente de conflito emocional que provoca alterações bioquímicas no organismo. A ansiedade (necessidade de viver no futuro) e o estresse são os vilões campeões em meus atendimentos como terapeuta capilar.
O estado de ansiedade (assim como o estresse) produz um hormônio chamado cortisol, que provoca queda capilar.   Quanto mais ansiosa a pessoa fica, mais fabrica cortisol. A queda aumenta gerando mais ansiedade, a ansiedade aumenta a queda e se cria um ciclo vicioso.
A má alimentação também é inimiga do cabelo saudável.  A nutrição do cabelo se dá de dentro pra fora. Quando há deficiência de ferro, proteína e vitaminas na alimentação sempre ocorre queda. Regimes desbalanceados sem acompanhamento médico são muito prejudiciais tanto pro cabelo quanto pro corpo.

Maus hábitos capilares: O suor acumulado no couro cabeludo causa quebra. Então se a pessoa tem 1001 hábitos saudáveis, mas só lava o cabelo 01 vez por semana, não vai ter o desenvolvimento saudável do fio.
É normal que caiam até 100 fios de cabelo por dia. Mas ninguém melhor do que você pra perceber se algo mudou no cabelo. Ao perceber alteração, não protele. Procure a ajuda de um profissional adequado. Um dermatologista, que vai fazer seu check-up, um terapeuta capilar que tem várias técnicas para ajudar a contornar os problemas capilares (tratamento complementar ao do dermatologista).
 A queda é causada por fatores internos no organismo, logo ações externas apenas não vão resolver o problema. Se você tem algum problema capilar fora de controle não deixe que se agrave. Procure ajuda.

Fontes: Como Vencer a Queda Capilar (Dr.Ademir Jr.), Curso Avançado de Tricologia (SBC).

29 fevereiro 2016

Aniversário de 3 anos de blog e 1 milhão de acessos = Resultadooo xD






Olá, todos e todas! Enfim, o dia do resultado do nosso sorteio chegou e lá vai a lista dos 7 sortudos que se inscreveram, cumpriram as regras e claro, vão receber presentes lindos! xD






Mas antes, gostaria de explicar como fazemos o sorteio. ^^ Primeiro vamos ao site Random (https://www.random.org/), que gera números automaticamente para sorteio. Basta colocar o número mínimo de inscritos e terminar com o máximo. Então, nosso primeiro ganhador é o inscrito 135:
 Depois, consultamos no formulário de inscrição a que candidato o número corresponde:

Depois de conferir no face se todas as regras foram cumpridas, chegamos à conclusão que a Luana Maria continua sendo a nosso primeira ganhadora e vai levar o Mini kit Deva e dupla de Pente Garfo, da Assessora dos Cachos. Parabéns! \o/

Agora os próximos prêmios e ganhadores:

2: Arte de viver - Amarra exclusiva e bolsa dupla face (aqui); 
Vencedor:

3: Art'Crochê - 1 par exclusivo de brincos de crochê (aqui);
Vencedor:

4: Criarte - 1 par de brincos (aqui); 
Vencedor:

5: Caracool - Luminária exclusiva (aqui); 
Vencedor:

6: Imprimindo Sonhos - 1 agenda 2016 personalizada (aqui);
Vencedor:


7: Paninho - 1 par de tiara Mãe e Filha (aqui):
Vencedor:

Parabéns a todos os nossos vencedores e principalmente Luana Maria, Magdala e Efrânia que toparam de inscrições! xD Vamos entrar em contato e em 2 dias, caso algum ganhador não se manifeste, o sorteio será refeito. Agradeço a todos os nossos parceiros, que proporcionaram em nossa comemoração esse sorteio lindo e inédito! Um grande abraço a todxs e aguardem as novidades... ;D